PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Tropeço do América-MG anima goleiro do Inter: "Vamos buscar a liderança"

Danilo Fernandes comemora os resultados que ajudaram o Internacional - Ricardo Duarte/Inter
Danilo Fernandes comemora os resultados que ajudaram o Internacional Imagem: Ricardo Duarte/Inter

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

23/08/2017 18h16

O goleiro Danilo Fernandes não escondeu a alegria com o tropeço do América-MG, que na terça-feira empatou em 0 a 0 com o Criciúma. Devido ao resultado, o Inter pode assumir a liderança da Série B nesta sexta, caso vença o Paysandu.

"Um resultado bom para a gente, não tem como mentir. Mas temos é que continuar fazendo nosso trabalho, fazendo o que começamos a fazer, de cinco jogos para cá. O resultado nos ajudou e uma vitória nos coloca na liderança. Mas o pensamento é só vencer o próximo e o próximo para então começar a olhar a tabela. O principal objetivo é o acesso. E vamos em busca da liderança, sim. É algo maior, algo grande que temos no campeonato, então não podemos relaxar. Se não ganharmos também, vamos ter calma porque tem muito pela frente. O primeiro lugar é importante no final do campeonato, junto com acesso", disse o camisa 1 em entrevista coletiva.

Basta superar o time paraense no duelo das 21h30 (de Brasília), em casa. E a fase é boa para acreditar nisso. O Colorado vem de cinco vitórias seguidas e poderá repetir a escalação dos últimos três jogos.

"Vivemos muitas coisas já durante o ano. A confiança e o resultado positivo, todos querem. Um ambiente como está o nosso hoje. Fica mais tranquilo para treinar, jogar, tudo acontece naturalmente. É claro que a responsabilidade também aumenta. Não podemos deixar cair. Se conquistamos é porque somos capazes. No próximo será maior a cobrança, e no seguinte também. Porque estamos mostrando que podemos e somos capazes. Temos que manter o nível", acrescentou.

Danilo deu susto no treinamento desta quarta. Ao defender dois chutes, sentiu dores no é esquerdo e deixou o campo. Mas se recuperou, voltou, e completou a atividade. "Não foi nada, só um chute de Camilo que a bola acertou a ponta do meu dedão. Mas está tudo certo", finalizou.

Esporte