PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Guto minimiza chance de repetir Inter pela quarta vez: "Não é determinante"

O técnico Guto Ferreira, do Inter, não supervaloriza a repetição de time titular - VINíCIUS COSTA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
O técnico Guto Ferreira, do Inter, não supervaloriza a repetição de time titular Imagem: VINíCIUS COSTA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Do UOL, em Porto Alegre

20/08/2017 14h58

O técnico Guto Ferreira pode atingir uma marca incomum atualmente: repetir o time do Inter pela quarta partida consecutiva. Mesmo que deva permanecer com os mesmos jogadores das vitórias recentes, o comandante minimiza o efeito disso sobre o rendimento.

"Repetir ajuda, sim. Mas não é determinante. Determinante é o comprometimento, o foco, o trabalho de manter o padrão de jogo. Um modelo, uma forma de atuar onde saindo A e entrando B, muda característica dos jogadores, mas a essência continua", disse o treinador.

O Colorado tem enfileirado bons resultados. Ganhou os últimos cinco jogos, com 13 gols marcados e só um sofrido. Colou no líder da Série B, o América-MG. Apenas um ponto separa mineiros e gaúchos.

"Hoje estamos com a facilidade de ter um jogo por semana. Daqui a pouco virá uma maratona e preciso ter um grupo. MInha equipe tem uns três ou quatro jogadores pendurados com dois amarelos. Vão tomar cartão. Preciso mesmo é de plantel", afirmou o técnico.

O Inter volta a campo na próxima sexta-feira para encarar o Paysandu no Beira-Rio.

Esporte