PUBLICIDADE
Topo

Futebol

"Não queria ganhar desta maneira", diz D'Ale após gol polêmico do Inter

Igor Junio Benevenuto foi o árbitro de Internacional x Luverdese - VINÍCIUS COSTA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
Igor Junio Benevenuto foi o árbitro de Internacional x Luverdese Imagem: VINÍCIUS COSTA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

18/07/2017 23h45

D'Alessandro lamentou a confusão no fim do jogo entre Inter e Luverdense. Segundo o gringo, o gol polêmico dos acréscimos não precisava ter acontecido na vitória por 1 a 0.

"Não queríamos ganhar desta maneira. Mas sem esta confusão no final, porque tivemos chances e merecemos. Trabalhamos muito e temos que melhorar algumas coisas", disse o camisa 10.

O lance polêmico ocorreu aos 47 minutos do segundo tempo. Carlos enfiou uma bola para Joanderson. Pottker, perto do lance, estava impedido, mas não foi na bola. O bandeira Márcio Eustáqui Santiago levantou a bandeira. Mas o árbitro Igor Junior Benevenuto não apitou, gesticulando para o lance seguir. Ao ver o bandeira, os jogadores do Luverdense pararam. Joanderson rolou e Pottker marcou, para confusão geral.

"Vocês podem falar que o bandeira errou. Mas o Pottker não pegou a bola, caso contrário era impedimento. Somos colegas do Luverdense, dos jogadores, e nos solidarizamos. Eles (árbitros) erram. Infelizmente foi contra eles, já erraram contra nós. Contra o Criciúma tivemos gol mal anulado", afirmou D'Ale.

O Inter chegou aos 24 pontos na classificação. É quinto colocado e encara o Vila Nova-GO na próxima rodada.

Futebol