PUBLICIDADE
Topo

Série B - 2019

Excesso de cartões atrapalha sequência de Eguren no Palmeiras

02.nov.2013 - Eguren, do Palmeiras, faz lançamento na partida contra o Paraná pela Série B - Hedeson Alves/VIPCOMM
02.nov.2013 - Eguren, do Palmeiras, faz lançamento na partida contra o Paraná pela Série B Imagem: Hedeson Alves/VIPCOMM

Do UOL, em São Paulo

04/11/2013 06h00

No empate com o Paraná, no último sábado, o volante Eguren foi titular do Palmeiras, algo que praticamente não havia acontecido desde que chegou ao clube. O treinador Gilson Kleina prometeu uma sequência para o jogador, desde que os cartões não atrapalhem, como já começou a ocorrer. Na próxima partida, contra o Joinville, ele já será desfalque.

Eguren jogou apenas nove vezes pelo Palmeiras e começou como titular em somente duas ocasiões. Foram sete jogos pela Série B do Campeonato Brasileiro e um pela Copa do Brasil. Neste curto período, o uruguaio levou quatro amarelos. Contra o Paraná, recebeu o terceiro amarelo no Brasileirão e está suspenso.

Isso significa que o jogador da seleção uruguaia tem uma média de praticamente um cartão amarelo a cada meio jogo do Palmeiras. Agora, Kleina espera seu retorno para dar sequência.

“Ele segue na equipe. É, só precisava saber se ele não tomou o terceiro amarelo. Conversei com ele e prometi um momento. Ele vai ter sequência. Tenho que ter coerência. Não é porque ele não jogava que eu não dava atenção, mas a equipe vinha ganhando. Mexi pouco no time para facilitar para ele e torço para que renda muito e seja muito feliz no Palmeiras”, comentou o treinador.

O volante, por sua vez, disse entender a reserva, mas reiterou o desejo de permanecer na equipe. “Eu estou com vontade de jogar, mas em time que ganha é difícil mexer. O que importa para mim é estar brigando pelo título. Me senti bem, o campo estava complicado para jogar, a bola nunca ficava tranquila. Mas o melhor é que todos lutaram e temos que continuar assim para conseguir o título”, disse.

Atualmente, o Palmeiras tem 70 pontos, enquanto a Chapecoense estacionou nos 61, na vice-liderança. A equipe paulista pode, inclusive, conquistar o título na próxima rodada. O time alviverde precisa que a Chapecoense perca do América-RN na próxima terça feira, e então vencer o Joinville, no Pacaembu, no próximo sábado.