PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Cuca elogia jogo do Santos e volta a pedir dérbi na Vila: "nosso habitat"

Siga o UOL Esporte no

Do UOL, em Santos (SP)

30/09/2018 19h56

Marcado para o dia 13 de outubro, o jogo contra o Corinthians foi tema da entrevista coletiva concedida por Cuca após a vitória por 1 a 0 sobre o Atlético-PR, neste domingo (30), na Vila Belmiro. O local da partida, aliás, é a grande questão relacionada ao clássico, uma vez que o treinador quer mandar a partida na cidade do litoral – ao contrário do presidente José Peres.

Nesta última semana, Cuca pediu para o presidente mudar o local da partida do Pacaembu para a Vila Belmiro. José Carlos Peres, por sua vez, não cravou sua decisão, mas deu a entender que manteria o jogo na capital paulista por algumas questões, como a promessa feita em sua campanha para dividir os jogos, meio a meio, do Santos entre Pacaembu e Vila Belmiro.

Até então, a questão havia ficado em ‘stand-by’ por conta do processo de impeachment de José Carlos Peres. Como ele continua na presidência, a questão deve ser abordada já no começo desta semana, já que o Santos tem até 3 de outubro para solicitar a alteração – caso assim seja decidido.

“Conversamos com o presidente há alguns dias. Sabemos da força em São Paulo, a torcida é muito maior. Ninguém quer dividir o Santos em dois, apenas, tecnicamente falando, nós nos sentimos mais fortalecidos em casa. Que o adversário desça a serra, venha na espiritualidade da Vila. É opinião da comissão e de todos os jogadores, mas quem manda é o presidente”, disse Cuca.

Para o treinador, o Santos deve mandar todos os seus clássicos na Vila Belmiro.

“Estamos no nosso habitat, concentramos a 5 minutos, no clima, sabemos do campo, torcida, família. Adversário viaja, pega comboio, entra nessa espiritualidade e é importantíssima. Pequenos fatores fazem diferença. É diferente de viajar, pegar hotel em São Paulo, esperar o dia inteiro, vai ao Pacaembu onde nunca treina e às vezes joga. Por isso não jogamos tão bem lá quanto aqui. Temos que jogar às vezes lá, é minha opinião, mas clássico tem que ser na Vila, a não ser por necessidade ou outra. Somos funcionários e vamos acatar”, acrescentou.

Com três empates e nenhuma vitória no Pacaembu desde que assumiu o comando do Santos, Cuca ainda elogiou a partida feita pelo Santos diante do Atlético-PR, dando ainda mais uma justificava para que o clássico volte para a Vila Belmiro.

"Justa [vitória]. Se pegar os índices, todos os dados foram favoráveis ao Santos. O Atlético fez um grande jogo na sua estratégia, que era segurar bem e sair nos contra-ataques. Mas no geral, mesmo a gente dando contra-ataques, que é do jogo, acho que a gente teve o controle no campo do adversário durante boa parte do jogo", completou.

Esporte