PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Substituto de Cuesta está invicto no Inter e já foi alvo do Corinthians

Emerson Santos fez sua estreia pelo Inter contra o Botafogo e está invicto no time - Ricardo Duarte/Inter
Emerson Santos fez sua estreia pelo Inter contra o Botafogo e está invicto no time Imagem: Ricardo Duarte/Inter

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

19/09/2018 11h25

A expulsão de Victor Cuesta diante da Chapecoense abre uma vaga na defesa do Inter. E o processo natural, caso não ocorra alguma lesão durante os treinos da semana, é a entrada de Emerson Santos. Aos 23 anos, o defensor emprestado pelo Palmeiras já foi alvo do Corinthians e não sabe o que é derrota ou mesmo sofrer gols atuando pelo Inter.

Emerson chegou ao Beira-Rio em 21 de julho. Emprestado pelo Palmeiras até o fim do ano que vem, ele se colocou à disposição para estrear em seguida, e passou a aguardar oportunidade por conta da solidez defensiva do Inter com Moledo e Cuesta.

A chance apareceu diante do Botafogo, clube que o projetou. E naquela partida, 3 a 0 para o Colorado com boa atuação dele. Em seguida, mais duas oportunidades de defender o time gaúcho: a vitória por 1 a 0 diante do Paraná e o empate em 0 a 0 com o Cruzeiro.

Ou seja, com Emerson Santos em campo, o Inter jamais foi vazado. Independente do parceiro, já que contra Botafogo e Cruzeiro ele atuou ao lado de Cuesta, e diante do Paraná o companheiro de zaga foi Rodrigo Moledo.

Alvo do Corinthians, acabou no Palmeiras

Quando ainda defendia o Botafogo, em 2017, Emerson Santos foi alvo do Corinthians. Na ocasião, tinha contrato perto do fim e a possibilidade de se transferir gerando custo mais baixo. Até mesmo o Inter se aproximou dele na oportunidade.

Mas foi o Palmeiras que afastou adversários e deu 'chapéu' no rival. Com uma conversa particular após o duelo com o Botafogo pelo Brasileiro e uma oferta de aproximadamente R$ 5 milhões em luvas, o alviverde levou o defensor através de pré-contrato.

Porém a passagem pela equipe foi frustrada. Foram 11 meses e apenas 92 minutos em campo, marca já superada com as três partidas em dois meses no Colorado. 

Esporte