PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Em busca do G-4? Palmeiras pega Cruzeiro para transformar dérbi em final

Dudu tem seis gols pelo Palmeiras neste Brasileiro e é destaque nesta segunda - Luiz Munhoz/Recorte do Olhar/Estadão Conteúdo
Dudu tem seis gols pelo Palmeiras neste Brasileiro e é destaque nesta segunda Imagem: Luiz Munhoz/Recorte do Olhar/Estadão Conteúdo

Do UOL, em São Paulo

30/10/2017 04h00

O discurso de buscar uma vaga no G-4 pode perder completamente o sentido para o Palmeiras na noite desta segunda-feira. Diante do Cruzeiro, a equipe de Alberto Valentim joga no Allianz Parque para vencer e ficar a apenas três pontos do líder Corinthians. Um triunfo em Itaquera, no dia 5 de novembro, na próxima rodada, daria a liderança para o atual campeão brasileiro.

O discurso de que não está pensando na taça já tinha sido adotado com Cuca e foi intensificado com a entrada do interino. A ideia é não aumentar a pressão para que erros que foram vistos na Libertadores e na Copa do Brasil não se repitam. O certo é que o Allianz Parque terá mais de 30 mil pessoas e pulsará no encontro "dos Palestras".

"A gente quer muito o apoio da torcida, porque vai ser muito importante e vamos precisar deles até o final, mas a gente não pode deixar que a euforia das arquibancadas vá para dentro do gramado", afirmou Valentim, antes mesmo de saber que o Corinthians foi derrotado para a Ponte Preta.

A estratégia de não se "autopressionar", como dizia Cuca, ganhou um novo ingrediente neste domingo. O treino do Palmeiras foi marcado no mesmo horário da rodada para que os atletas nem assistissem ao jogo entre Corinthians e Ponte Preta.

Para o duelo contra o Cruzeiro, o Palmeiras tem o desfalque de Willian, mas contará com Borja, que tem mostrado ascensão nas últimas partidas, especialmente contra o Grêmio. Ele ainda tem uma vaga no lugar do suspenso Bruno Henrique, que deve ser substituído por Jean. Fica uma dúvida na escalação da zaga, com Yerri Mina novamente em condições de ser titular. Se ele não voltar ao time, Edu Dracena terá a companhia de Juninho.

Como se não bastasse o ingrediente de transformar o clássico da próxima semana em final, o jogo desta segunda-feira ainda colocará frente a frente Palmeiras e Mano Menezes, que chegou a ser a opção para substituir Cuca, mas renovou por dois anos com o Cruzeiro. Mesmo com a vaga garantida na Libertadores, a equipe mineira afirma que buscará a vitória a todo custo.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS X CRUZEIRO


Data: 30 de outubro, segunda-feira
Horário: 20h (de Brasília)
Local: Allianz Parque, em São Paulo
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC)
Assistentes: Helton Nunes e Thiaggo Americano Labes (ambos de SC)

PALMEIRAS: Prass; Mayke, Dracena, Mina (Juninho) e Egídio; Jean, Tchê Tchê e Moisés; Dudu, Keno e Borja
Técnico: Alberto Valentim

CRUZEIRO: Fábio; Ezequiel, Manoel, Murilo e Diogo Barbosa; Henrique, Lucas Romero, Rafinha e Thiago Neves; Arrascaeta e Rafael Marques.
Técnico: Mano Menezes

Esporte