PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Carille confirma time titular do Corinthians e treina ponto fraco do líder

Carille orienta jogadores do Corinthians em treino realizado no CT Joaquim Grava - Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
Carille orienta jogadores do Corinthians em treino realizado no CT Joaquim Grava Imagem: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Do UOL, em São Paulo

27/10/2017 13h06

O Corinthians está definido pelo técnico Fábio Carille para a partida contra a Ponte Preta, no próximo domingo, em Campinas - o time terá Romero e Pablo nas vagas de Marquinhos Gabriel e Pedro Henrique, respectivamente.

A dois dias do duelo válido pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro, Carille se dedicou a corrigir os principais erros do time alvinegro. Assim, o treinador deu ênfase às bolas paradas. Segundo ele, depois de dois dias de atividades desse tipo, a ideia é treinar o ataque neste sábado.

"Sou muito consciente de tudo. Todas as coisas ruins que aconteceram, eu trabalhei. É 50% responsabilidade do técnico e 50% do jogador. Todas as situações eu trabalhei. Dos cinco últimos gols levados, três foram de bola parada. É algo que trabalho muito. Por isso trabalhei ontem e hoje, e amanhã vamos para a parte ofensiva", disse.

"O que me passa tranquilidade é a questão de que nenhuma equipe nos atropelou para ganhar. Aquele segundo gol do Bahia, com Cássio na área, é coisa que não vou fazer nunca mais. Os outros gols que sofremos foi desatenção. Tudo o que foi mostrado, foi o que já foi trabalhado. Levamos a campo para executar. Estão preparados para a partida", completou.

O Corinthians vem de derrota para o Botafogo. O time carioca fez 2 a 1 no Engenhão na última segunda-feira e chegou à vitória depois de dois gols oriundos de cobranças de escanteio.

"A gente tem que fazer por merecer a cada jogo, ganhamos muitos jogos no detalhes, estamos perdendo nos detalhes. Parar de tomar gol, melhorar nossa média de gols. É fazer por merecer. Todos entenderam que podemos fazer mais. Principalmente em questões que decidem jogo, bola parada. No Rio, se decidiu assim", explicou Carille.

O Corinthians, que soma 59 pontos, seis a mais que Palmeiras e Santos, vai a campo com Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel e Maycon; Jadson. Rodriguinho e Romero; Jô.

Esporte