PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Gabriel faz gesto obsceno para são-paulinos e pede desculpas

Bruno Grossi e Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

24/09/2017 13h07

Os jogadores corintianos celebraram muito o resultado conquistado contra o São Paulo no Morumbi, mas principalmente no momento do gol de Clayson. Fellipe Bastos fez gestos em direção à arquibancada, mas Gabriel se excedeu e levou as mãos às genitálias. O clássico terminou empatado em 1 a 1. 

Após a partida, o volante assumiu o erro e se desculpou. "A torcida xingou bastante na hora do gol, até entendo a situação deles, mas isso acontece. Acabei retribuindo o gesto e peço desculpas se eu ofendi a pessoa que fez isso ou algum outro torcedor que se doeu junto", afirmou. "Isso não é maior que o jogo".

Mais tarde, o time alvinegro divulgou um vídeo no Twitter com um novo pedido de desculpas do jogador. “Vim aqui neste vídeo pedir desculpas pelo acontecido na partida de hoje contra o São Paulo. Foi um momento de euforia e não faz parte do meu caráter e índole. Novamente, peço desculpas aos presentes no estádio e a todos os familiares e crianças que estavam assistindo ao jogo”, declarou Gabriel.

O técnico Fábio Carille também comentou o episódio e fez alusão à recepção nada amistosa que o Corinthians teve no Morumbi, que incluiu uma madeira atirada na direção do ônibus que levava a delegação alvinegra ao estádio na manhã deste domingo.

"Não vi o lance. Se aconteceu, sim, vai ser chamada a atenção. Se for para falar sobre coisas a melhorar no Brasil, p... que pariu. Nossa chegada aqui é sempre uma guerra, um campo de batalha, mas gosto porque acorda meu time. Em 2009, fizeram isso e o Ronaldo no ônibus gritou: ´São burros demais, me acordaram´. Tem muita coisa para se melhorar no país", criticou.

Autor do gol que deu o empate ao Corinthians no clássico, Clayson arrancou a camisa na comemoração e admitiu que também exagerou ao ir para a torcida do São Paulo.

"Acabei me exaltando, fui pra qualquer lado. Tenho respeito pela torcida deles e fui comemorar como achava que tinha, então corri para aquele lado. Fui sem querer", garantiu.

Gabriel provoca torcida do São Paulo - Reprodução Twitter - Reprodução Twitter
Imagem: Reprodução Twitter

Gabriel foi criticado nas redes sociais pela atitude da foto acima. 

Esporte