PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Eduardo Baptista diz em entrevista que Atlético-PR foi um erro na carreira

Eduardo Baptista disse que se arrepende de ter ido para o Atlético - Guilherme Artigas/Fotoarena/Estadão Conteúdo
Eduardo Baptista disse que se arrepende de ter ido para o Atlético Imagem: Guilherme Artigas/Fotoarena/Estadão Conteúdo

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL

31/08/2017 15h16

O ex-técnico do Atlético Paranaense, Eduardo Baptista, disse que sua passagem pelo Furacão foi um erro em sua carreira, em entrevista à Rádio Bandeirantes de São Paulo. O ex-treinador foi demitido do clube após 13 jogos, com 5 vitórias, 3 empates e 5 derrotas. Na ocasião, a diretoria afirmou que ele não saía pelos resultados, mas sim por “desacerto com a filosofia do clube.

Muito cobrado no Palmeiras, clube que dirigiu antes do Atlético, Baptista disse que seu arrependimento foi mesmo o sim ao Furacão. “A única coisa que eu faria diferente na carreira era não ter aceitado o Atlético Paranaense. Eu sabia que ia ter uma incompatibilidade de postura, de conceito de ideias, mas eu fui porque sou fã do Paulo Autuori e uma ligação dele me deixou esperançoso de algo diferente. Mas traí minhas convicções, sabia que ia dar errado e fui”, contou.

Baptista saiu após o empate com a Chapecoense fora de casa, 0 a 0, na 12ª rodada do Brasileirão, e foi substituído já no dia seguinte por Fabiano Soares, atual técnico. Ao sair, Baptista viu Paulo Autuori ser solidário e pedir demissão. Porém, uma semana depois, Autuori atendeu ao convite da diretoria do clube para retornar e reassumiu as funções que tinha no Atlético. 

Esporte