PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Rildo revela que pediu para bater pênalti perdido por Longuine no Coritiba

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL

28/08/2017 22h49

Foi a quarta derrota do Coritiba em casa no Brasileirão e o terceiro jogo sem vitória em sequência. Mas o resultado de 1 a 0 para o Vitória poderia ser diferente se, aos 43 do primeiro tempo, o estreante Rafael Longuine tivesse convertido um pênalti. O atacante Rildo, que sofreu o pênalti, contou depois do jogo que chegou a pedir para fazer a cobrança.

“Eu acredito que se tivéssemos feito o gol de pênalti, seria outro jogo. Acabou errando, isso acontece. Eu pedi pra bater, ele quis assumir a responsabilidade. Tá chegando, acho que vai ajudar muito a gente... agora tem uma semana aí pra refletir e trabalhar”, contou Rildo, que tem quatro gols pelo Coxa no Brasileirão – o primeiro deles justamente contra o Vitória.

O Coritiba tem o terceiro pior ataque do Brasileirão, com 21 gols, a frente apenas de Atlético-GO (18) e Avaí (13). Em três jogos no segundo turno, o Coxa não marcou nenhum gol.

Esporte