PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Exame não apresenta alteração e Pratto deve receber alta nesta segunda

Lucas Pratto foi retirado do estádio de ambulância - RODRIGO GAZZANEL/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
Lucas Pratto foi retirado do estádio de ambulância Imagem: RODRIGO GAZZANEL/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

28/08/2017 11h06

O departamento médico do São Paulo respira um pouco mais aliviado. Nesta segunda-feira, Lucas Pratto foi submetido ao exame de ressonância magnética que não apresentou alteração. O jogador aguarda agora a avaliação do neurologista para receber a alta do hospital HCor.

O argentino levou uma joelhada de Hernanes durante o primeiro tempo do clássico  vencido por 4 a 2 pelo Palmeiras sobre o São Paulo, neste domingo (27), no Allianz Parque. O lance aconteceu aos 22 minutos e o camisa 9 caiu desacordado em campo. O clima de tensão tomou conta do gramado e os jogadores correram para solicitar a ambulância. 

O atacante foi atendido pelos médicos do São Paulo e precisou de mais de cinco minutos para ser colocado na ambulância, imobilizado. Ele ganhou aplausos da torcida palmeirense e foi encaminhado para o Hcor, acompanhado do médico tricolor Auro Rayel.

Lucas Pratto cai desacordado após bater a cabeça no joelho de Hernanes - Reprodução/TV Globo - Reprodução/TV Globo
Imagem: Reprodução/TV Globo
Até mesmo o médico do Palmeiras, Gustavo Magliocca, correu do banco de reservas para apoiar os seus colegas são-paulinos. Ainda no domingo, ele foi submetido à tomografia que também não apresentou alteração.

Vale lembrar que, no clássico entre Palmeiras e São Paulo válido pelo Campeonato Paulista deste ano, Lucas Pratto quebrou o nariz após receber uma cabeçada de Victor Hugo e também precisou deixar o gramado.

"O Lucas infelizmente foi vítima de um trauma na cabeça e perdeu a consciência em torno de um minuto. No momento da inconsciência precisa ter cuidados que tivemos. Ele retomou a consciência no campo, um pouco letárgico, mas me reconheceu. Foi para o hospital, a partir daí tem um protocolo a ser seguido, fez tomografia, neurológico completo. Talvez o teste de concussão desse alteração, mas está tudo bem. Vai seguir protocolo normal, deve ficar internado 24 horas, acreditamos que deve ser liberado na hora do almoço", disse o médico tricolor.

Esporte