PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Demitido pelo Galo, Roger diz que não vai trabalhar no Brasil em 2017

Roger Machado comandou o Atlético-MG em 43 partidas, entre janeiro e julho -
Roger Machado comandou o Atlético-MG em 43 partidas, entre janeiro e julho

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

20/07/2017 19h13

O Atlético-MG confirmou nesta quinta-feira a demissão do técnico Roger Machado, uma dia após o time ser derrotado pelo Bahia, por 2 a 0, no Independência, pelo Campeonato Brasileiro. O treinador esteve na Cidade do Galo no início da tarde, quando se reuniu com o presidente Daniel Nepomuceno e ficou acertada sua saída do clube mineiro. Antes mesmo de a imprensa chegar ao local, o treinador deixou o CT atleticano.

Algumas horas após a demissão, através de sua assessoria de imprensa, Roger Machado agradeceu o convívio diário que teve durante os quase sete meses na Cidade do Galo e destacou que não vai assumir nenhuma outra equipe do futebol brasileiro no restante da temporada 2017, assim como fez em 2016, após deixar o Grêmio, em setembro do ano passado. Retorno ao futebol neste somente em caso de proposta de uma equipe estrangeira.

“Após 7 meses de trabalho no Atlético, estou fora do clube. Agradeço a todas as pessoas pelo convívio, destacando funcionários competentes e jogadores de alto nível que sempre buscaram o melhor.

Minha intenção agora é de não trabalhar em nenhuma equipe brasileira esta temporada, estando somente aberto a proposta do exterior. Assim, como foi no Grêmio em 2016, meta é sempre de fazer trabalhos únicos e anuais. Saio do Atlético com 63 por cento de aproveitamento, ganhando o título de campeão mineiro, bem posicionado nas oitavas de final da Libertadores e com vantagem diante do Botafogo, nas quartas de final da Copa do Brasil. No campeonato brasileiro, o Time atleticano está em 11o lugar após 15 rodadas, faltando 23 jogos para o final”, disse Roger Machado, através de sua assessoria de imprensa.

Quando contratado pelo Atlético, em novembro do ano passado, para assumir o time a partir de janeiro de 2017, Roger Machado assinou contrato por duas temporadas. Os valores da rescisão de contrato não foram revelados por nenhuma das partes.

Esporte