PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Com expulsão em 3min, Kleber diz ter sofrido 'maior injustiça da carreira'

"Árbitro não tem como justificar minha expulsão", diz Kléber

UOL Esporte

Do UOL, em São Paulo

24/10/2016 11h37

A maior injustiça de sua carreira. Assim Kleber classificou a expulsão no jogo do último domingo, no Couto Pereira, na partida entre Coritiba e Fluminense. O atacante entrou em campo no fim do primeiro tempo e permaneceu nele por apenas três minutos. Recebeu o cartão vermelho do árbitro Raphael Claus após, segundo o juiz, tê-lo xingado.

“Kleber foi expulso por, após ter cometido uma falta sancionada por mim, virou-se em minha direção e dirigiu-se as seguintes palavras: vai tomar no seu c...”, relatou Claus na súmula.

Veja como foi a expulsão de Kléber

Gols UOL Esporte

Kleber, porém, alega que o xingamento foi dirigido a João Paulo, seu próprio companheiro. “No momento da expulsão é o Wellington Silva [jogador do Fluminense] no lance, nem ele acredita. A reação que ele tem é absurda. Ele estava do meu lado e disse para mim: ‘não teve xingamento’”, defendeu-se Kleber em entrevista coletiva concedida após a partida.

“Eu já fui expulso por algumas vezes, e na maioria delas, eu jamais fiquei reclamando depois da expulsão. Hoje foi a maior injustiça que eu sofri na minha carreira, se eu não me engano. Foi lamentável o que ele fez. Não estou aqui para dizer que ele está apitando a favor de A ou B, mas ele poderia ter nos prejudicado muito”, lamentou o atacante alviverde.

Quem também concedeu entrevista coletiva após a partida foi o diretor de futebol Alex Brasil, que também foi citado pelo árbitro na súmula por ‘ter invadido o campo de jogo ao término do primeiro tempo’.

“Isso é algo que a gente tem que tomar muito cuidado, porque acaba prejudicando o trabalho de muitas pessoas e principalmente brincando com uma instituição que é campeã brasileira”, declarou o dirigente alviverde.

Mesmo com um a menos, o Coritiba conseguiu segurar o Fluminense e ainda arrancou um empate por 1 a 1 contra o time carioca. A garra do time foi enaltecida por Kleber durante a entrevista. “Eu quero agradecer aos jogadores pela entrega e aos torcedores pelo reconhecimento”, completou o Gladiador.

Quer receber notícias do Coritiba de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Esporte