PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Após agressão e desculpas, zagueiro deve ser titular de novo no Corinthians

CÉLIO MESSIAS/ESTADÃO CONTEÚDO
Imagem: CÉLIO MESSIAS/ESTADÃO CONTEÚDO

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

21/10/2016 13h13

O zagueiro Vílson trabalhou normalmente no gramado nesta sexta-feira, no CT Joaquim Grava, e deve ter a primeira oportunidade com o treinador Oswaldo de Oliveira no próximo domingo. Ele é a novidade do Corinthians para a visita ao Flamengo na reabertura do Maracanã, já que o titular Pedro Henrique está suspenso.

Recuperado de problemas musculares, Vílson não atua desde setembro, no clássico contra o Palmeiras. Naquele dia, o rival corintiano ganhou por 2 a 0 e selou a demissão de Cristóvão Borges.

Antes de deixar a equipe principal, Vílson acumulou falhas importantes. Ele errou nos dois gols do Palmeiras, feitos por Mina e Moisés, e também cometeu pênalti tolo diante do Santos, quando o Corinthians vencia por 1 a 0 na Vila Belmiro - os santistas ganharam por 2 a 1.

Recentemente, o zagueiro também se envolveu em polêmica ao agredir com um soco o jovem volante Marciel após receber uma entrada em treinamento. Logo na sequência, Vílson pediu desculpas e gravou um vídeo para se explicar à torcida e aos companheiros. A relação entre Marciel e ele, aparentemente, não ficou ruim. Pelo episódio, porém, acabou multado com 20% do salário.

Mesmo com a provável volta de Vilson, a definição da equipe titular ocorrerá apenas neste sábado, quando Oswaldo irá comandar um treino tático, já que nesta sexta fez apenas atividades em campo com os reservas. No treinamento, Rildo teve de sair mais cedo, mas o clube informou que não houve qualquer problema e que foi apenas para fazer reforço muscular na academia.

O provável Corinthians para jogar no Maracanã, com apenas uma dúvida, é: Walter; Fagner, Vílson, Balbuena e Uendel; Camacho; Romero, Giovanni Augusto, Rodriguinho e Marquinhos Gabriel (Marlone); Guilherme. A confirmação deve ser indicada por Oswaldo na atividade de sábado.

Esporte