PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Ceni volta a marcar em pênalti, e São Paulo vence o Flamengo em Itu

Do UOL, em São Paulo

13/11/2013 23h48

O São Paulo venceu o Flamengo por 2 a 0 na noite desta quarta-feira, no Novelli Júnior, em Itu, e manteve a pequena chance de se classificar à Copa Libertadores de 2014 por vaga conquistada neste Brasileirão. Os dois times, que priorizam outras competições, não demonstraram o empenho de outras partidas. Mesmo assim, o confronto chamou atenção pelo gol de Rogério Ceni, que voltou a balançar as redes em cobrança de pênalti, e pelos incidentes logo após o apito inicial.

As equipes foram ao gramado com faixa do movimento Bom Senso F.C., que luta por mudanças no futebol brasileiro, principalmente em relação ao calendário. O árbitro Alício Pena Júnior, no entanto, impediu que a partida contasse com o mesmo modelo de protesto que aconteceu em todos os outros jogos da rodada, com jogadores parados e com os braços cruzados logo após a bola rolar. Sob ameaça de distribuir cartões amarelos aos 22 atletas, Rogério Ceni coordenou toque de bola de um lado para o outro do campo, no primeiro minuto da partida, para então “permitir” o início oficial.

Ainda nos primeiros minutos, o sistema de irrigação do Novelli Júnior foi acionado acidentalmente e a partida ficou paralisada por cerca de cinco minutos. Mais tarde, houve seis minutos de acréscimos.

Sem ações ofensivas por parte das equipes, que fizeram jogo lento, as melhores chances da primeira etapa foram de Rogério Ceni. O goleiro cobrou duas faltas: a primeira, com perigo, passou rente à trave direita de Paulo Victor. A segunda, no entanto, parou na barreira.

Pelo time mandante, Ademilson mostrou eficiência. O jovem de 19 anos, que virou titular com Muricy Ramalho, fez mais uma boa partida. Criou opção para sair jogando e orquestrou ações ofensivas desde o campo de defesa, em jogadas individuais. Paulo Henrique Ganso, novamente bem, também se destacou.

No Flamengo, Paulinho e Hernane tiveram poucas chances. O clube carioca não conseguiu ligar jogadas do meio de campo ao ataque e brecou frente à defesa são-paulina.

Os gols do São Paulo saíram na etapa final: titular por conta do descanso permitido a Aloísio, Luis Fabiano sofreu pênalti após entrada de Luiz Antônio. Ceni cobrou no canto direito do adversário e fez. Foi o primeiro gol do capitão desde a sequência de erros em cobranças, neste temporada, que se estendeu a quatro pênaltis perdidos.

Ademilson também marcou. Paulo Henrique Ganso dominou bola perdida pela defesa do Flamengo e viu o jovem correr. Em dois toques, deu o passe em bola enfiada. Ademilson finalizou com técnica e tirou Paulo Victor do lance: 2 a 0 para o São Paulo.

Luis Fabiano, apesar do pênalti sofrido, teve atuação discreta. O meio campo são-paulino sofreu com Denilson e Wellington como responsáveis para começar as jogadas e sentiu falta de Maicon, também poupado. Foram muitos erros de passe cometidos pelas duas equipes.

Seguro no Brasileirão, o Flamengo ainda enfrentará o Grêmio no domingo, antes do primeiro jogo pela final da Copa do Brasil, contra o Atlético-PR. O São Paulo enfrentará o Fluminense, domingo, no Maracanã, antes do primeiro confronto pela semifinal da Copa Sul-Americana contra a Ponte Preta, no Morumbi.  

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 2 X 0 FLAMENGO

Local: Estádio Novelli Júnior, em Itu (SP)
Data: 13 de novembro de 2013, quarta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Alício Pena Júnior (MG)
Assistentes: Janette Arcanjo (Fifa-MG) e Marcus Vinicius Gomes (MG

Cartões amarelos: Ademilson, Antonio Carlos, Luis Fabiano e Paulo Miranda/André Santos e Amaral
Gols: Rogério Ceni e Ademilson

São Paulo: Rogério Ceni, Paulo Miranda, Rodrigo Caio, Antonio Carlos e Reinaldo; Wellington e Denilson; Douglas, Paulo Henrique Ganso e Ademilson; Luis Fabiano. Técnico: Muricy Ramalho.

Flamengo: Paulo Victor, Leonardo Moura, Wallace, Chicão e André Santos; Amaral, Luiz Antonio (Diego Silva), Elias e Carlos Eduardo (Bruninho); Paulinho e Hernane. Técnico: Jayme de Almeida.

Esporte