PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Com volta e assistência de Paulo Baier, Atlético-PR vence a Portuguesa

Do UOL, em São Paulo

13/10/2013 20h24

Poupado no empate sem gols contra o Corinthians, na última quarta-feira, o meio-campista Paulo Baier voltou ao Atlético-PR neste domingo. E o time rubro-negro, que jogou em casa, precisou apenas de dois minutos para ver o quanto a presença dele faz diferença. Com uma assistência do armador de 38 anos, os anfitriões bateram a Portuguesa por 1 a 0 em duelo válido pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O gol foi marcado logo no início do duelo. Aos 2min, Paulo Baier achou o atacante Marcelo, que invadiu a área com liberdade e tocou no canto direito de Lauro.

“Nós sabíamos que era um jogo difícil, contra um time que está bem no campeonato, e começamos desatentos. Tomamos o gol muito no começo, e isso nos complicou”, reconheceu o volante Corrêa, da Portuguesa.

O Atlético-PR ainda teve duas chances claras para ampliar a vantagem no primeiro tempo, com Éderson e Zezinho, mas ambas pararam em Lauro. Depois da pressão dos mandantes nos primeiros 20 minutos, porém, a Portuguesa conseguiu adiantar a marcação e equilibrar o duelo.

A evolução da Portuguesa ficou ainda mais nítida no segundo tempo, quando o time paulista comandou as ações. Mas a grande oportunidade foi do Atlético-PR, e novamente com Paulo Baier. O camisa 30 recebeu dentro da área aos 27min e bateu cruzado. A bola passou por Lauro, mas Luis Ricardo impediu o centésimo gol do veterano no Campeonato Brasileiro disputado por pontos corridos.

“Enfrentamos uma equipe chata, que melhorou bastante no campeonato. Sabemos da importância da vitória”, afirmou Vágner Mancini, técnico do Atlético-PR.

A importância da vitória é que o Atlético-PR já acumula três rodadas sem perder no Campeonato Brasileiro (dois triunfos e um empate). Com isso, o time rubro-negro chegou a 48 pontos e se manteve na zona de classificação para a próxima edição da Copa Libertadores.

A Portuguesa, por outro lado, ficou em situação incômoda. O time do Canindé estacionou nos 34 pontos, e agora está a apenas dois do Criciúma, dono da melhor campanha entre os que compõem a zona de rebaixamento.

A campanha longe do Canindé é uma das principais explicações para a Portuguesa estar nessa faixa da tabela. A equipe paulista venceu apenas um jogo como visitante no Campeonato Brasileiro de 2013 e somou somente sete pontos, pior desempenho entre todos os times que disputam a elite do futebol nacional.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-PR X PORTUGUESA
Local:
Vila Capanema, em Curitiba (PR)
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva
Assistentes: Neuza Ines Back e Cleriston Clay Barreto Rios
Público pagante: 9.647
Cartões amarelos: Luiz Alberto e Marcelo (Atlético Paranaense); Valdomiro e Moisés (Portuguesa)
Gol: Marcelo (Atlético-PR), aos 2min do primeiro tempo

ATLÉTICO-PR:
Weverton; Léo, Manoel, Luiz Alberto e Pedro Botelho; Deivid e João Paulo; Marcelo (Douglas Coutinho), Paulo Baier e Zezinho (Marco Antônio); Éderson (Roger)
Técnico: Vágner Mancini

PORTUGUESA:
Lauro; Luis Ricardo, Moisés Moura, Valdomiro e Rogério; Corrêa (Jean Mota), Bruno Henrique, Moisés e Souza (Héverton); Bérgson e Henrique (Wanderson)
Técnico: Guto Ferreira

Esporte