PUBLICIDADE
Topo

'Meninos do Juventude' fazem sucesso no Grêmio e confirmam aposta

Zagueiro Bressan, do Grêmio, é o mais destacado jogador que veio do Juventude - Lucas Uebel/Divulgação/Grêmio FBPA
Zagueiro Bressan, do Grêmio, é o mais destacado jogador que veio do Juventude Imagem: Lucas Uebel/Divulgação/Grêmio FBPA

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

05/08/2013 09h32

No início deste ano, o Grêmio contratou cinco jogadores do Juventude. Sob desconfiança, Ramiro, Paulinho, Alex Telles, Bressan e Follmann chegaram ao Tricolor. Neste domingo, quatro deles estiveram em campo no clássico Gre-Nal e o desempenho foi muito bom. A aposta certa é comemorada pela direção azul, branca e preta e gera confiança ainda maior nos jovens.

"Se falou muito na contratação destes meninos no começo do ano. Mas sempre tivemos a convicção de que eram jogadores de qualidade. Os observamos por muito tempo e hoje estamos colhendo os frutos disso", disse o diretor executivo de futebol, Rui Costa, responsável direto pela contratação dos jovens.

Nenhum deles foi contratado diretamente para o time titular. Paulinho e Ramiro estavam no Sub-20 há poucos meses. Mas atualmente todos estão em alta. Bressan e Alex Telles são titulares absolutos do time, Ramiro tem entrado bem em todos os jogos e Paulinho subiu para o profissional nesta semana e também ganha espaço.

CLÁSSICO GRE-NAL TEM TRÊS EXPULSÕES E ACABA COM EMPATE EM 1 A 1

O Grêmio foi superior mas não conseguiu vencer o Inter, que mesmo com 9, segurou o rival

"O Paulinho é um jogador rápido, que gosto de ter, entrou partindo para cima, como pedi para ele", elogiou Renato Gaúcho. "Bressan e Alex Telles já estão afirmados. O Alex eu não tenho dúvida que será um dos melhores laterais do Brasil. O Ramiro tem enchido os olhos de todos, o Paulinho agora. Isso tudo é muito bom", completou Rui.

Como a vida de goleiro é mais complicada, Follmann foi o único que ainda não conseguiu jogar. No entanto, fazer parte do elenco principal já é uma conquista.

O Grêmio trabalha desde a chegada deles para dar tranquilidade para realização do trabalho, um ambiente propício ao crescimento e toda estrutura necessária para mudança de vida evidente com a saída do Juventude e chegada ao time da capital.

"Trabalhamos para que eles não sintam tanto a mudança gigantesca na vida que aconteceu. São todos muito jovens, de 18, 19, 20 anos. Mas já conhecíamos eles. Os acompanhamos há tempo, sabemos que são jogadores de boa família, boa cabeça, isso tudo ajudou muito no rendimento deles em Porto Alegre", opinou o diretor gremista.

Os jogadores do Grêmio se reapresentam na tarde desta segunda-feira. O time tricolor inicia preparação para atuar na quinta-feira, contra o Coritiba, às 21h, na Arena.

 

Esporte