PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Astro da NFL que pegou covid-19 revela luta 'assustadora' contra doença

Von Miller, jogador do Denver Broncos - Justin Edmonds/Getty Images
Von Miller, jogador do Denver Broncos Imagem: Justin Edmonds/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

13/05/2020 19h59

O jogador de futebol americano Von Miller, do Denver Broncos, contou como foi superar a covid-19. Ele foi diagnosticado com o novo coronavírus em abril e, há duas semanas, afirmou que estava recuperado. Agora, o atleta da NFL (liga de futebol americano dos EUA) classificou a experiência como "assustadora".

Miller afirmou que começou a sentir os primeiros sintomas com uma tosse, mas não deu muita atenção. "Eu pensei que tinha apenas um resfriado. Eu ainda estava tossindo, e meu assistente me disse: 'Por que você não vai fazer o teste? Os Broncos estão fazendo testes gratuitos. Fica aqui na rua'. Dois dias depois, eles me disseram que eu tinha o coronavírus", disse o jogador, que foi eleito o MVP (melhor jogador) do Super Bowl 50, em 2016, em entrevista ao jornal Washington Post.

Questionado sobre qual foi a pior parte do coronavírus, Von Miller falou sobre a dificuldade de respirar.

"Não conseguir respirar. Eu tenho asma, mas isso [coronavírus] foi como se meus pulmões estivessem contraídos. Essa foi a parte mais assustadora. Só de dormir sabendo que meu nível de oxigênio poderia cair e que eu poderia acordar e ter que ir ao hospital", disse.

"Você não sente gosto, não sente cheiro. Isso mexe com seu apetite, então você não está realmente comendo como deveria. Nos primeiros quatro, cinco dias, eu estava nervoso. Eu não diria que pensei que ia morrer ou algo assim, mas isso passou um pouco pela minha cabeça", acrescentou.

Coronavírus