PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Luxo, treino de falcão e jogador perdido: por que times adoram esse resort?

Do UOL, em São Paulo

19/08/2017 04h00

Viagem de quase 2.000 km, diárias que superam R$ 1 mil e um hotel tão grande que um jogador se perdeu ao voltar para o quarto. Assim foi a pré-temporada do Houston Texans, time de futebol americano que optou por um resort clássico para se preparar. Luxo, tradição e uma área imensa são as marcas registradas do local.

Os Texans argumentam que escolheram o hotel The Greenbrier para fugir do calor de Houston no verão e também para estimular a convivência entre seus jogadores. Em Houston, os termômetros nesta época do ano beiram os 40ºC. Na região do hotel, na Virgínia Ocidental, a temperatura não costuma chegar aos 30ºC.

Serão quase 30 dias de concentração no The Greenbrier. No início, os jogadores estranharam a opção por um hotel tão distante de Houston. Os quase 2.000 km equivalem à distância entre São Paulo e Montevidéu, no Uruguai. Mas chegando ao local, encontraram muito luxo e um centro esportivo de qualidade.

O luxo fica claro pela programação normal do hotel. Há aulas de falcoaria, por exemplo, em que é possível treinar falcões para caça. “Não sei o que é isso, mas parece incrível”, resumiu o linebacker Shakeel Rashad ao “The New York Times”.

O resort é imenso. Fundado em 1778, tem uma área total de 11 mil hectares (o equivalente a dez mil campos de futebol), oferece 710 suítes e conta com 20 restaurantes.

É tão grande que o novato Julien Davenport se perdeu ao voltar para seu quarto ao pegar o elevador errado. Precisou analisar um mapa interno para se encontrar. Já o running back Dare Ogunbowale se assustou com a informação de que ursos rondam o hotel justamente na área próxima aos campos de treino.

O centro esportivo de performance, inclusive, é novo e preparado para receber grandes equipes. Isso porque nos três anos anteriores, o New Orleans Saints fez sua pré-temporada no resort, que se adaptou ao time.

A cidade de White Sulphur Springs também já se organizou para receber grandes equipes. Como a franquia de futebol americano mais próxima é o Carolina Panthers, de Charlotte, a 360 km, a população local acolheu os Saints nos três anos anteriores e agora se “converteu” para o Houston Texans. Mas a grande atração, sem dúvida, é o imenso resort.

Esporte