PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1

Stroll mostra dedo do meio a Mazepin em mais um dia de lambanças do russo

Lance Stroll mostra dedo co meio para Nikita Mazepin nesse sábado de F1 - Reprodução/Twitter
Lance Stroll mostra dedo co meio para Nikita Mazepin nesse sábado de F1 Imagem: Reprodução/Twitter

Colaboração para o UOL, em São Paulo

08/05/2021 16h21

O canadense Lance Stroll, da Aston Martin, protagonizou hoje (8) uma cena curiosa neste sábado de Fórmula 1 no treino classificatório para o GP da Espanha. Após ultrapassar Nikita Mazepin, da Haas F1, em uma curva, o piloto mostrou o dedo do meio para o russo. Como se não bastasse, Mazepin também se envolveu em mais uma confusão na categoria neste final de semana e acabou levando mais um ponto na carteira.

Mazepin foi advertido por novamente bloquear a passagem de um colega. Durante o Q1, o piloto da Haas F1 acabou atrapalhando a volta de Lando Norris, que precisou dar uma volta extra com um novo pneu para garantir um melhor tempo.

Com isso, o britânico, da McLaren, teve sua estratégia afetada, já que precisou usar um novo jogo de pneus macios e ficou com apenas um para utilizar no Q3, que definiu a ordem de classificação. No final, só restou a Norros lamentar.

"Tive um cara que me segurou bastante, o que significa que tive de usar o meu segundo jogo de pneus", explicou Norris em entrevista ao site RaceFans.net. "Quando tudo é dividido em milésimos e centésimos e décimos e outras coisas, você quer ter a oportunidade de melhorar e não pode cometer erros."

A FIA (Federação Internacional de Automobilismo) puniu o russo com a perda de três posições na largada do Grande Prêmio de Espanha. No entanto, Mazepin foi o último colocado no treino, e a punição não altera sua classificação. Ele também recebeu o seu segundo ponto na carteira. Se chegar a 12 pontos, será suspenso.

Mazepin já foi criticado por diversos colegas de Fórmula 1. Semana passada, o russo foi punido após atrapalhar a ultrapassagem de Sergio Perez, da Red Bull, que liderava a corrida. Na ocasião, o piloto mexicano chamou Mazepin de "idiota".

Ontem, durante treino livre, Charles Leclerc, número um da Ferrari, se irritou com o russo após também ser bloqueado por ele. Em conversa com a equipe no rádio, o monegasco chegou a dizer que "Mazepin não vai mudar nunca".

Errata: o texto foi atualizado
Ao contrário do que foi publicado, o piloto Charles Leclerc é monegasco, e não francês. O erro foi corrigido.

Fórmula 1