PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1

Gasly comemora vitória após "altos e baixos": "A ficha ainda não caiu"

Francês Gasly comemora com a equipe AlphaTauri vitória no GP da Itália de F1 - Mark Thompson/Getty Images
Francês Gasly comemora com a equipe AlphaTauri vitória no GP da Itália de F1 Imagem: Mark Thompson/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

06/09/2020 12h35

Talvez nem o mais otimista dos espectadores poderia imaginar a vitória de Pierre Gasly no GP da Itália neste domingo. O piloto da AlphaTauri venceu a corrida em Monza — marcada por punição a Lewis Hamilton e mais de 20 minutos de paralisação — e conseguiu o seu primeiro triunfo na Fórmula 1.

Após a corrida, o próprio francês admitiu que ainda não acreditava no que tinha acontecido.

"Ainda não caiu a ficha do que aconteceu. Passei por muitos altos e baixos nos últimos 18 meses e já tinha achado que o pódio no Brasil tinha sido uma loucura", disse, se referindo à segunda colocação em Interlagos no ano passado.

"Também é muito importante para a Honda ganhar justamente em Monza, uma pista em que a potência fala alto", completou.

Além de Gasly, o pódio também teve a presença "improvável" de Carlos Sainz Jr., da McLaren. Lance Stroll, da Racing Point. Lewis Hamilton terminou em sétimo — ele chegou a cair para a última posição depois de cumprir penalidade nos boxes.

Foi a primeira vitória de Gasly na Fórmula 1 após 55 corridas. A AlphaTauri também comemora o seu primeiro triunfo — a equipe substituiu a Toro Rosso na atual temporada. Curiosamente, a última vez que a antiga escuderia havia vencido foi em 2008, também em Monza, com Sebastian Vettel.

Fórmula 1 - GP da Itália

Fórmula 1