PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1

Hamilton quer R$ 260 milhões por ano para renovar com Mercedes, diz jornal

Hexcampeão mundial quer aumento para continuar correndo pela Mercedes - Clive Mason/Getty Images
Hexcampeão mundial quer aumento para continuar correndo pela Mercedes Imagem: Clive Mason/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

02/07/2020 08h58Atualizada em 02/07/2020 11h37

O inglês Lewis Hamilton, que tem contrato com a Mercedes até o fim desta temporada, já tem um salário desejado para estender o seu vínculo com a equipe.

Segundo o The Sun, o hexacampeão mundial de Fórmula 1 quer 40 milhões de libras anuais (pouco mais de R$ 260 milhões) para permanecer na escuderia alemã. Atualmente, o contrato dele é de 36 milhões de libras (cerca de R$ 236 milhões).

Aos 35 anos, Hamilton é o esportista mais bem pago da Fórmula 1 e também detém, de acordo com a imprensa britânica, o posto de atleta mais rico da Grã-Bretanha, com uma fortuna estimada de 224 milhões de libras (cerca de R$ 1,5 bilhão).

As negociações deveriam ter começado durante as primeiras provas da temporada, mas a pandemia de coronavírus paralisou a Fórmula 1 e postergou as conversas. A temporada começa oficialmente neste domingo, com o GP da Áustria.

Com o retorno das corridas, é provável que o inglês defina seu futuro nos próximos dias. O piloto está na Mercedes desde 2013, após início de carreira na McLaren.

Fórmula 1