PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1

Pneu usado por Ayrton Senna em GP da Europa de 1993 vira braceletes

Da ANSA, em São Paulo

09/12/2019 18h40

A borracha de um dos pneus utilizados pelo piloto Ayrton Senna (1960-1994) no Grande Prêmio da Europa de 1993, no Reino Unido, virou uma edição limitada de braceletes.

O acessório faz parte de uma nova linha da grife monegasca MonGrip e serão produzidas apenas 161 unidades. Além disso, o lançamento dos braceletes foi feito em parceria com a marca Senna.

As tiras usadas para a fabricação dos braceletes foram retiradas de um dos pneus da McLaren MP4/8, monoposto que na qual o brasileiro conquistou a corrida de Donington Park. Além da vitória, o GP ficou marcado por Senna ter ultrapassado cinco rivais em uma única volta.

Senna Donington 1993 - Getty Images - Getty Images
Pulseiras são feitas de tiras de pneu usado no GP da Europa de 1993, em Donington Park (Inglaterra), vencido por Senna
Imagem: Getty Images
A venda do primeiro lote de 41 pulseiras, número de vitórias de Senna na Fórmula 1, foi anunciada em um evento em Mônaco, que contou com a presença de Bruno Senna, sobrinho do piloto brasileiro.

No dia 1º de maio de 1994, durante o GP de San Marino, Senna, que tinha 34 anos, morreu após ter perdido o controle de sua Williams na curva Tamburello e bater violentamente contra o muro de concreto.

O piloto disputou 161 GPs e correu pelas equipes Toleman, Lotus, McLaren e Williams. O brasileiro contabiliza 41 vitórias, 80 pódios e 65 pole positions, além de ter vencido os mundiais de 1988, 1990 e 1991.

Bruno Senna participa de divulgação de pulseiras da MonGrip feitas com pneu de McLaren pilotada por Ayrton Senna em 1993 - Mongrip/Divulgação - Mongrip/Divulgação
Bruno Senna participa de divulgação de pulseiras da MonGrip feitas com pneu de McLaren pilotada por Ayrton Senna em 1993
Imagem: Mongrip/Divulgação

Fórmula 1