PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1

Hamilton celebra estreia no 1º posto em Austin, mas Rosberg desdenha

Tony Gutierrez/AP
Imagem: Tony Gutierrez/AP

Do UOL, em São Paulo

22/10/2016 17h50

Lewis Hamilton não precisou largar na pole position para vencer em três das quatro vezes em que correu em Austin no GP dos Estados Unidos. Mas não escondeu a felicidade em conquistar, neste sábado, o primeiro lugar no treino classificatório.

Agora, o inglês tem 58 poles na carreira, apenas 10 a menos que o líder histórico no quesito, Michael Schumacher. Além disso, a boa performance na classificação lhe dá confiança para diminuir a vantagem de 33 pontos do companheiro Nico Rosberg, que larga em segundo, na liderança do campeonato.

“Sinto-me incrível”, disse o tricampeão. “É minha primeira pole aqui. Tentei por vários anos e muitas pessoas ótimas tentaram me ajudar a conquistar isso, então estou muito feliz com o resultado de hoje.”

“Quero agradecer ao público. Dava para ouvi-los me apoiando quando cruzei a linha, a energia na volta de retorno aos boxes foi muito legal. Então agradeço-os por terem aparecido hoje e tomara que amanhã possamos dar uma grande corrida para eles.”

Rosberg, por sua vez, desdenhou da pole. O alemão lembrou que os treinos classificatórios não têm sido tão decisivos neste ano, principalmente pelas largadas inconsistentes de ambos os carros da Mercedes.

“Como já vimos ao longo do ano, a classificação não é tão importante. Ainda tenho uma grande chance na corrida.”

O GP dos Estados Unidos começa às 17h do domingo, pelo horário de Brasília, e será a 18ª de 21 etapas no campeonato. Felipe Massa larga em nono e Felipe Nasr, em 21º.

Fórmula 1