PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1

Rosberg na Ferrari e Alonso na Mercedes? Rumores movimentam semana na F-1

Dan Istitene/Getty Images
Imagem: Dan Istitene/Getty Images

Do UOL, em Barcelona (ESP)

18/05/2016 05h57

O primeiro passo dado pela Red Bull com a contratação de Max Verstappen acelerou os boatos da dança das cadeiras da Fórmula 1 para a próxima temporada. O fim de contratos importantes, como de Nico Rosberg, na Mercedes, de Kimi Raikkonen, na Ferrari e da dupla da Williams já começou a movimentar o noticiário nesta semana.

Apesar da publicação Speedweek ter anunciado durante o final de semana que o contrato de Rosberg havia sido renovado, os italianos do Corriere della Sera apostam que há negociações do alemão com a Ferrari, justamente para a vaga de Raikkonen. O motivo seria a deterioração da relação do atual líder do campeonato com o companheiro, Lewis Hamilton.

"Estou feliz na Mercedes, mas vamos ver o que o futuro nos traz. Tudo é sempre muito difícil, estamos lutando por um campeonato há três anos”, admitiu Rosberg após testar com a Mercedes em Barcelona nesta terça-feira. "Mas, por outro lado, também estamos correndo para a equipe, por isso é um trabalho duro, mas também positivo, porque um força o outro."

Alonso na Mercedes?
O chefe de Rosberg, Toto Wolff, por sua vez, admitiu em entrevista à publicação espanhola El Mundo que a rivalidade interna na Mercedes é tanta que Hamilton e Rosberg já “não podem ser amigos” e indicou que poderia procurar Fernando Alonso caso o alemão não quisesse renovar.

O austríaco lembrou que o espanhol procurou a equipe em meio às negociações com Hamilton, mas o inglês tinha prioridade na época. Contudo, Wolff não descartou a possibilidade de retomar as negociações.

“Ele é um dos melhores pilotos da história, adoro seu caráter, mas estamos na mesma situação de dois anos atrás: nossa prioridade agora é Nico. Se ele não quiser renovar, então vamos considerar outras opções, como Fernando. [Sua idade] não é problema, ele mantém a velocidade e a motivação.”

O contrato de Alonso com a McLaren vai até o final da próxima temporada.

Fórmula 1