PUBLICIDADE
Topo

Surfe 360°

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Yago Dora comanda o ataque brasileiro; 9 se garantem na 2ª fase em Hossegor

Yago Dora faz o maior somatório no primeiro dia da competição masculina - WSL
Yago Dora faz o maior somatório no primeiro dia da competição masculina Imagem: WSL
Conteúdo exclusivo para assinantes
Thiago Blum

É jornalista esportivo desde 1992, mas acompanha o surfe há quatro décadas. Trabalhou por 19 anos na ESPN e atualmente é editor de esportes do Jornal da Band. Cobriu cinco Copas do Mundo e cinco edições dos Jogos Olímpicos.

Colunista do UOL

19/10/2021 18h09

Foi preciso esperar quatro dias. Enfim, as ondas chegaram a Hossegor para a largada da chave masculina da 3ª das 4 etapas do "Challenger Series" —divisão de acesso que vai classificar 12 atletas para o Championship Tour, a elite da World Surf League.

O time brasileiro iniciou o ataque e se destacou no "Quiksilver Pro France".

Dos 21 inscritos, 12 estrearam nesta terça-feira, com 8 classificados e 4 eliminados.

Garantido no CT 2022 pela campanha neste ano, Yago Dora é uma das estrelas do evento e deu show.

Com as ondas rolando bem pertinho da areia, Yago apostou no jogo aéreo, somou 15,57 e fechou o dia com o placar mais alto.

De quebra, viu o amigo Lucas Silveira passar junto para o "round of 48" em segundo lugar

Marcos Correa - WSL - WSL
Marcos Correa rasga forte e vence na estreia em Hossegor
Imagem: WSL

Além dele, só Marcos Correa avançou com vitória na bateria. Em outro confronto dominado por brasileiros que terminou com dobradinha, ao lado do também paulista Thiago Camarão.

De olho no retorno à divisão principal, Caio Ibelli, Jessé Mendes e Alex Ribeiro também passaram em segundo. Edgard Groggia fechou a lista dos classificados.

As baixas do dia ficaram com as despedidas precoces de Michael Rodrigues, Ian Gouveia, Lucas Vicente e Rafael Teixeira. Com os resultados, eles terão apenas mais uma chance de marcar pontos no ranking, em novembro no Havaí.

Alex Ribeiro - WSL - WSL
Alex Ribeiro voa direto para o round 2 no Challenger Series da França
Imagem: WSL

Os outros 9 brazucas estreiam nesta quarta na tradicionalíssima Hossegor, muito em duelos verde e amarelo.

Confira os confrontos:

bateria 14: Joao Chianca x Mateus Herdy x Cole Housmand (EUA) x Shuji Nishi (JAP)

bateria 16: Weslley Dantas x Willian Cardoso x Liam O'Brien (AUS) x Marc Lacomare (FRA)

bateria 19: Wiggolly Dantas x Alejo Muniz x Victor Bernardo x Arits Aranburu (ESP)

bateria 20: Luel Felipe x Wade Carmichael (AUS) x Mihimana Braye (TAH) x Ian Gentil (HAW)

bateria 22: Alonso Correa (PER) x Samuel Pupo x Eli Hannemen (HAW) x Billy Kemper (HAW)

Caio Ibelli - WSL - WSL
Caio Ibelli bate reto na bateria de estreia em Hossegor
Imagem: WSL

Boa notícia também na chave feminina. Depois das eliminações de Tatiana Weston-Webb e Silvana Lima logo na fase de abertura, a jovem Summer Macedo avançou para o "round of 32" do "Roxy Pro France".

Summer passou em 2º lugar, na bateria vencida pela americana Caitlin Simmers. O detalhe é que ela eliminou a havaiana Luana Silva, campeã da etapa de Portugal na semana passada, e número 3 no ranking do Challenger Series.

Na próxima fase, a única brasileira sobrevivente no evento francês vai enfrentar a peruana Daniella Rosas e as australianas Keely Andrew e Sophie McCulloch.

por @thiago_blum / @surf360_