PUBLICIDADE
Topo

Saque e Voleio

SporTV 'esconde' duplas em sua despedida do ATP Finals

Getty Images
Imagem: Getty Images
Alexandre Cossenza

Alexandre Cossenza é bacharel em direito e largou os tribunais para abraçar o jornalismo. Passou por redações grandes, cobre tênis profissionalmente há oito anos e também escreve sobre futebol. Já bateu bola com Nadal e Federer e acredita que é possível apreciar ambos em medidas iguais. Contato: ac@cossenza.org

Colunista do UOL

14/11/2020 04h00

O ATP Finals começa neste domingo com dois brasileiros brigando pelo título. Bruno Soares e o croata Mate Pavic, campeões do US Open, são os cabeças de chave 1. Marcelo Melo e o polonês Lukasz Kubot também chegam ao evento em bom momento. Eles conquistaram recentemente o título do ATP 500 de Viena. O torneio reúne apenas as oito melhores duplas da temporada e é o mais forte evento de duplas do calendário ATP (fora slams), mas os brasileiros ficarão meio "escondidos" nos primeiros dias.

O SporTV, detentor dos direitos de transmissão do torneio para o Brasil, não vai mostrar as duplas durante a fase de grupos, que começa neste domingo. Ou seja, seis partidas envolvendo brasileiros (três de Bruno e três de Marcelo) no evento mais importante da ATP não serão exibidas. O grupo Globo soltou um comunicado nesta sexta-feira, chamando o ATP Finals de "Torneio dos Campeões" e informando que a competição de duplas terá transmissão apenas nas semifinais e na final.

"Última competição do tênis no ano, o Torneio dos Campeões reúne, em Londres, na Inglaterra, os oito melhores jogadores da temporada. A competição começa neste domingo, dia 15, e o SporTV3 exibe todos os jogos da chave de simples, além das semifinais e a grande final do torneio de duplas", diz o comunicado.

Ironicamente, o mesmo comunicado inclui uma frase da comentarista Joana Cortez, que lembra das possibilidades de Bruno e Marcelo: "Nas duplas, o tênis brasileiro vive um ótimo momento. A dupla do Bruno Soares e a do Marcelo Melo têm grandes chances de trazer o título inédito para o Brasil."

O ATP Finals deste ano será o último exibido pelo SporTV. O canal da Globosat perdeu os direitos para a ESPN. A partir do ano que vem, o canal da Disney vai mostrar todos os Masters 1.000 e o ATP Finals. Fica a torcida para que a turma do Mickey trate o tênis - e os brasileiros - com um pouco mais de carinho.

As oito duplas ficaram divididas assim: no Grupo Bob Bryan, jogam Soares/Pavic, Granollers/Zeballos, Peers/Venus e Melzer/Roger-Vasselin; no Grupo Mike Bryan estão Ram/Salisbury, Krawietz/Mies, Koolhof/Mektic e Melo/Kubot. Todos times jogam entre si dentro de cada grupo, e as duas melhores duplas de cada chave avanças à semifinais.

O primeiro brasileiro a estrear é Melo. Ele e Kubot jogam já neste domingo, a partir das 15h (de Brasília), contra Ram e Salisbury. Soares e Pavic jogam apenas na segunda-feira. Eles também entram em quadra às 15h e vão enfrentar Melzer e Roger-Vasselin.

Coisas que eu acho que acho:

- A maneira garantida de ver as duplas no ATP Finals é pelo Tennis TV, serviço de streaming oficial do circuito masculino. O plano anual custa R$ 389,90. Quem quiser assinar por apenas um mês paga R$ 48,90. Sim, os preços são em reais.

- O canal - qualquer canal! - tem todo direito de fazer suas contas, avaliar seus números e decidir se vale a pena ou não mostrar este ou aquele evento ou modalidade. O que não pode é esconder a modalidade e depois, quando alguém levantar um troféu, um comentarista aparecer com aquele discursinho besta de "o canal apoia o tênis". Mostrar troféu é fácil e dá audiência. Apoiar, no meu dicionário, tem outra definição.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.