PUBLICIDADE
Topo

Rodrigo Coutinho

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Coutinho: Tudo sobre a 24ª Rodada. Timão é o destaque e sobe no Ranking!

Conteúdo exclusivo para assinantes
Rodrigo Coutinho

Rodrigo Coutinho é jornalista e analista de desempenho. Acredita que é possível abordar o futebol de forma aprofundada e com linguagem acessível a todos.

Colunista do UOL

08/10/2021 10h00

Apontado como candidato ao rebaixamento no início da competição, o Corinthians ''cresceu e apareceu'' no Brasileirão 2021. Com o acréscimo de seus reforços e o desenvolvimento tático da equipe, já aparece com o mesmo número de estrelas que o Palmeiras no Ranking de Desempenho. Tem um jogo a mais, mas o viés é de crescimento, o que evidencia também que o alviverde precisa melhorar o seu rendimento. Fortaleza e Galo seguem se alternando na ponta e o Flamengo observa de perto.

01 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
O Ranking de Desempenho após a 24ª Rodada
Imagem: Rodrigo Coutinho

O Ranking de Desempenho tem como finalidade avaliar o rendimento das equipes. Oferecer ao torcedor uma maneira mais fidedigna de entender se o seu time está evoluindo, estagnado ou regredindo. Independentemente do resultado —que pode ocorrer por muitas variantes no futebol— a proposta é dar de 0 a 5 estrelas de acordo com o que cada equipe fez em campo. As estrelas são somadas a cada rodada e formam o cenário acima.

02 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
Como Corinthians e Bahia abriram a rodada
Imagem: Rodrigo Coutinho

Mesmo saindo atrás no placar em pênalti infantil cometido por Lucas Piton, o Corinthians foi superior ao Bahia durante todo o jogo. Trocou passes com desenvoltura, velocidade e paciência no campo de ataque, conseguiu furar o forte bloqueio defensivo do Bahia, que teve Lucas Araujo expulso no final do primeiro tempo e não conseguiu competir no restante da partida. Antes causava algumas dificuldades com setores bem compactos na hora de defender e marcação adiantada em pequenos períodos. Atuação segura defensivamente do Timão.

03 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
Tudo sobre a igualdade entre Chape e Galo
Imagem: Rodrigo Coutinho

No confronto do último colocado contra o líder não deu a lógica! Contrariando todas as expectativas, a Chapecoense fez um jogo duríssimo contra o desfalcado Atlético-MG em Santa Catarina. Saiu atrás no placar, mas dificultava as coisas desde o início. Marcou muito forte e utilizou bem as ligações diretas até empatar e virar já no segundo tempo. O Galo esteve menos intenso e concentrado que de costume. Hulk e Nacho não se destacaram, mas os mineiros buscaram a igualdade na base do ''abafa''.

Resultado injusto no Castelão!

04 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
Os detalhes do empate entre Ceará e Internacional
Imagem: Rodrigo Coutinho

O Ceará foi superior ao Internacional, criou chances, mas esbarrou na boa proteção de área da dupla de zaga colorada, além de mais uma atuação decisiva do goleiro Daniel. A necessidade de vitória para ambas as equipes fez o jogo ser aberto, contrariando um pouco as previsões com base nos dois sistemas defensivos sólidos. O Colorado teve a bola durante boa parte do tempo, mas se ressentiu das ausências de Taison e Edenílson. Produziu pouco. O Vozão teve fluência maior na troca de passes e velocidade.

05 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
O Sport teve um dos melhores desempenhos da rodada
Imagem: Rodrigo Coutinho

Sport e Juventude pareciam ter os mesmos problemas no início do jogo. Ambos se fechavam bem sem a bola, mas com ela apresentavam muita lentidão e pouca organização coletiva para progredir e incomodar o adversário. O rubro-negro foi mudando a sua postura ao longo da 1ª etapa e o alviverde não reagiu à altura. A diferença de intensidade entre as equipes só aumentou à medida que os minutos foram passando. Chamou a atenção a passividade do time de Caxias do Sul. Zé Welison foi o melhor em campo. O Sport até poderia ter feito mais.

Poucas chances criadas de parte a parte

07 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
Os detalhes da vitória do Furacão sobre o Dragão
Imagem: Rodrigo Coutinho

Um jogo travado, mas que ficou bem resolvido com a vitória do Athlético Paranaense. O Furacão foi o time que mais tirou a partida do marasmo. Terans fez a diferença com um gol e uma assistência. O Atlético Goianiense falhou de uma forma que não está acostumada em seu sistema defensivo. Fernando Miguel levou um frango! De positivo, o fato de os times tentarem o ataque como prioridade. Buscaram construir com a bola no chão, mas o Dragão esteve abaixo tecnicamente.

Duelo equilibrado em Bragança Paulista

08 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
Tudo sobre o disputado jogo em Bragança Paulista
Imagem: Rodrigo Coutinho

O Flamengo, com o time muito desfalcado, conseguiu fazer um primeiro tempo inteligente. Seguro na defesa, compacto, realizando menos perseguições que o normal e protegendo os espaços. Com a bola, tirou a velocidade para diminuir a temperatura e ainda fez uma boa pressão na saída rival. Foi para o intervalo vencendo. O Massa Bruta, porém, voltou mais agressivo na segunda etapa e criou. Não demorou a empatar com Artur, o melhor em campo. O nível ficou abaixo do esperado e o resultado foi justo.

Precisão no Maracanã

09 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
Os detalhes da vitória do Leão no Maracanã
Imagem: Rodrigo Coutinho

O Fortaleza mostrou inteligência em sua estratégia e muita precisão nas bolas paradas aéreas para vencer o Fluminense no Maracanã. O jogo não foi tão agradável. Muita luta e intensidade, marcação forte de parte a parte, mas pouca aptidão para criar chances de gol com frequência. O Leão do Pici, ao contrário do que geralmente faz, não foi tão agressivo. Deixou o Fluminense tomar a iniciativa para que o time carioca encontrasse as dificuldades que geralmente tem diante de equipes fechadas, e a partir daí foi se soltando, mas sem se desproteger.

América surpreende

10 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
Como o Coelho bateu o Palmeiras
Imagem: Rodrigo Coutinho

Parecia que o América era o time com mais potencial técnico e investimento superior no gramado do Independência. Mais uma vez o Palmeiras entrou em campo para explorar somente os contra-ataques, os erros do time mineiro, e foi castigado no fim, mesmo tendo chances para marcar mais gols e garantir a vitória antes de levar a virada. O Coelho foi muito corajoso e apresentou repertório ofensivo superior ao do Palestra. O Alviverde protegeu bem a sua área na maior parte do tempo, mas se viu sufocado no fim.

11 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
Mais um empate na 24ª rodada
Imagem: Rodrigo Coutinho

O Grêmio pressionou basicamente o jogo todo, teve ímpeto e volume no campo adversário, mas repetiu erros de outras partidas. Pouco repertório coletivo de jogadas e falhas defensivas oriundas de nervosismo e desatenção. O Cuiabá pouco atacou, mas conseguiu apresentar um sistema defensivo sólido, além de capacidade para causar danos em rápidas escapadas. Esteve a frente no placar duas vezes. Alisson, Douglas Costa e Marllon se destacaram. Rafinha e Max também se apresentaram bem.

12 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
Como São Paulo e Santos ficaram no empate
Imagem: Rodrigo Coutinho

No tenso clássico San-São do encerramento da rodada, o Tricolor foi melhor que o Peixe. É claro que o gol marcado por Carlos Sanchez, logo aos cinco minutos, condicionou o restante do duelo e evidenciou o início desatento do São Paulo. Mas em grande parte do tempo restante a equipe da casa criou chances e teve imposição no campo de ataque. O Santos voltou a melhorar na reta final do jogo. Lucas Braga e Gabriel Pirani entraram bem e o cenário ficou aberto, mas o empate acabou sendo péssimo para ambos em termos de classificação.

Seleção do Campeonato

Cada jogador que entra em campo recebe uma nota de 0 a 10 por sua atuação. A nota de partida é sempre 5 e ele vai ganhando ou perdendo pontos de acordo com o que faz em campo. A média das notas define o melhor de cada posição/função. Para fazer parte do time ao final do Brasileirão, é necessário ter participado de ao menos 40% dos jogos. Em função disso, Gabigol ainda não consegue integrar o selecionado.

13 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
A Seleção do Brasileirão após a 24ª Rodada
Imagem: Rodrigo Coutinho

Em relação à última rodada, apenas uma mudança no time. Depois de algumas rodadas fora, o atacante Artur volta a formar a dupla de ataque com Hulk. O ponta do Bragantino levou uma nota 7 no empate contra o Flamengo e retorna ao posto que foi seu durante boa parte do 1º turno, coroando a excelente competição que faz.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL