PUBLICIDADE
Topo

Rodolfo Rodrigues

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Richarlison e Gabriel Jesus vivem momentos opostos em transferências

Gabriel Jesus é o novo atacante do Arsenal - Reprodução
Gabriel Jesus é o novo atacante do Arsenal Imagem: Reprodução
só para assinantes
Rodolfo Rodrigues

Rodolfo Rodrigues é apaixonado por números e estatísticas no futebol. Foi repórter do Lance!, editor da Placar e do prêmio Bola de Prata ESPN e é autor de dez livros sobre futebol.

04/07/2022 13h26

O atacante Gabriel Jesus foi apresentado pelo Arsenal oficialmente nesta segunda-feira (4). Depois de cinco anos e meio atuando pelo Manchester City, o ex-atacante do Palmeiras tem agora uma nova chance no futebol inglês, depois de perder espaço no time de Guardiola.

Contratado por 52,3 milhões de euros até junho de 2027, Gabriel Jesus chega como o principal nome do time do técnico espanhol Mikel Arteta, que perdeu seus dois centroavantes da última temporada: Aubameyang (que foi para o Barcelona no início do ano) e Lacazette (que voltou agora para o Lyon).

Mas Gabriel Jesus sai de um time de ponta, atual campeão inglês e que vai novamente brigar pelo título da Champions League, para uma equipe hoje de segundo escalão, que está fora da Liga dos Campeões e que há 6 temporadas não fica no G4 do Campeonato Inglês.

Pelo City, Gabriel Jesus disputou 236 jogos (151 como titular), marcou 95 gols (60 na Premier League e 15 na Champions League). Por lá, desde 2017, conquistou 4 títulos ingleses, 1 Copa da Inglaterra, 4 Copas da Liga Inglesa e 2 Supercopas Inglesas. Foram 11 títulos, bons momentos (que o levaram para a Copa de 2018 e provavelmente para a de 2022).

Mas a realidade de Gabriel Jesus será bem diferente agora. O atacante chega ao Arsenal para ser o homem-gol da equipe. O principal nome do time. O jogador para tentar levar o time de volta à Liga dos Campeões depois de 7 anos, e quem sabe, para conquistar algum título na temporada 2022/23. Algo pouco provável, apesar de o time inglês apostar quase 290 milhões de reais nisso.

Outra realidade

Por outro lado, Richarlison, também com 25 anos, vive um momento oposto após trocar de clube na Inglaterra para essa temporada 2022/23. Ao contrário de Gabriel Jesus, Richarlison chegou ao futebol inglês por baixo, sem a mesma expectativa do ex-palmeirense. O Pombo começou no modesto Watford e foi muito bem na temporada 2017/18.

Comprado por 12,4 milhões de euros junto ao Fluminense em junho de 2017, o atacante se valorizou após a primeira temporada na Premier League e foi vendido ao Everton por 39,2 milhões de euros em junho de 2018. No novo clube, Richarlison virou ídolo, marcou 53 gols em 153 jogos (43 na Premier League).

Na última temporada, foi um dos raros destaques do time que escapou do rebaixamento nas rodadas finais. Ainda assim, terminou a temporada valorizado e acabou comprado pelo Tottenham, que vai disputar a Liga dos Campeões de 2022/23, por 58 milhões de euros, 5,7 milhões a mais Gabriel Jesus.

Richarlison vai para o 3º time mais valioso hoje na Inglaterra, atrás apenas do Manchester City e do Liverpool. Vai para uma equipe forte, com chance de brigar por título nas copas inglesas e por boas colocações, tanto na Premier League, quanto na Champions League. Além disso, será treinado pelo italiano Antonio Conte e poderá jogar ao lado de Harry Kane e Son, que vivem ótima fase.

Enquanto Richarlison está em ascensão na Inglaterra, Gabriel Jesus terá uma nova oportunidade numa equipe grande, mas já sem tanta força ou prestígio.

Siga Rodolfo Rodrigues no Instagram

Siga Rodolfo Rodrigues no Twitter