PUBLICIDADE
Topo

Rodolfo Rodrigues

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Gustavo Scarpa e Rony sobem na artilharia do Palmeiras no século 21

Gustavo Scarpa comemora gol pelo Palmeiras contra o Avaí pelo Brasileirão 2022 - Beno Küster Nunes/AGIF
Gustavo Scarpa comemora gol pelo Palmeiras contra o Avaí pelo Brasileirão 2022 Imagem: Beno Küster Nunes/AGIF
só para assinantes
Rodolfo Rodrigues

Rodolfo Rodrigues é apaixonado por números e estatísticas no futebol. Foi repórter do Lance!, editor da Placar e do prêmio Bola de Prata ESPN e é autor de dez livros sobre futebol.

Colunista do UOL

26/06/2022 18h01

O Palmeiras empatou com o Avaí por 2 x 2 em Florianópolis, neste domingo (26), manteve a diferença de 3 pontos em relação ao vice-líder Corinthians, sua invencibilidade fora de casa e a sequência de 13 jogos sem derrota no Brasileirão.

Depois de sair perdendo no primeiro tempo, com um gol de pênalti aos 51 minutos, o Palmeiras conseguiu o empate rapidamente na segunda etapa, aos 2 minutos, com um gol de pênalti de Gustavo Scarpa e depois a virada, com Rony, aos 20 minutos. Mas acabou levando o gol de empate aos 27 minutos, num golaço de falta de Jean Pyerre.

Sem vários titulares no início da partida (Marcos Rocha, Murilo, Piquerez, Danilo, Veiga, Dudu e Rony), o Palmeiras fez um primeiro tempo bem aquém dos últimos jogos. Na segunda etapa, porém, voltou mais ligado e melhorou muito com as entradas de Raphael Veiga, Rony e Dudu depois dos 15 minutos.

De olho no jogo contra o Cerro Porteño pelas oitavas de final da Libertadores, o técnico Abel Ferreira poupou esses titulares, mas conseguiu sair de Florianópolis ainda com um ponto e a invencibilidade.

Com os gols contra o Avaí, Gustavo Scarpa e Rony ganharam posições na lista dos artilheiros do Palmeiras no século 21, que tem Dudu como o líder. Agora com 37 gols, Scarpa foi para a 7ª posição, empatado com Diego Souza, e já colado em Kléber e Valdívia. Já Rony foi para 37 gols, na 9ª posição, ao lado de Alex Mineiro.

Maiores artilheiros do Palmeiras no século 21:
81 - Dudu (369 jogos)
66 - Willian (253 jogos)
61 - Raphael Veiga (194 jogos)
54 - Vágner Love (85 jogos)
41 - Valdívia (241 jogos)
39 - Kléber (116 jogos)
[38] - Gustavo Scarpa (206 jogos)
38 - Diego Souza (130 jogos)
[37] - Rony (137 jogos)
37 - Alex Mineiro (63 jogos)
36 - Borja (112 jogos)

Siga Rodolfo Rodrigues no Instagram

Siga Rodolfo Rodrigues no Twitter