PUBLICIDADE
Topo

Rodolfo Rodrigues

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Palmeiras é o maioral da fase de grupos da Libertadores desde 1960

Gustavo Scarpa, do Palmeiras, comemora seu segundo gol diante do Dep. Táchira, pela Libertadores - Marcello Zambrana/AGIF
Gustavo Scarpa, do Palmeiras, comemora seu segundo gol diante do Dep. Táchira, pela Libertadores Imagem: Marcello Zambrana/AGIF
Conteúdo exclusivo para assinantes
Rodolfo Rodrigues

Rodolfo Rodrigues é apaixonado por números e estatísticas no futebol. Foi repórter do Lance!, editor da Placar e do prêmio Bola de Prata ESPN e é autor de dez livros sobre futebol.

Colunista do UOL

24/05/2022 23h20

O Palmeiras venceu o Deportivo Táchira-VEN por 4 x 1 nesta terça-feira (24), garantiu a primeira colocação geral da fase de grupos da Libertadores e bateu dois recordes na história da competição.

Além de ser agora o time com mais gols, isolado, na fase de grupos da Libertadores (25 gols), o time de Abel Ferreira alcançou a melhor campanha na fase de grupos, com 100% de aproveitamento, mas com um saldo de gols melhor que outros times (22) que também fizeram 18 pontos em 6 jogos: Vasco de 2001, Santos de 2007 e Boca Juniors de 2015.

Melhores campanhas da fase de grupos da Libertadores:
18 pontos ganhos - Palmeiras 2022 (25 GP, 3 GC, +22 saldo)
18 pontos ganhos - Boca Juniors-ARG 2015 (19 GP, 2 GC, +17 saldo)
18 pontos ganhos - Vasco 2000 (16 GP, 5 GC, + 11 saldo)
18 pontos ganhos - Santos 2007 (12 GP, 1 GC, + 11 saldo)

Na vitória sobre o Deportivo Táchira, outro recorde alcançado pelo Palmeiras foi de gols feitos na fase de grupos. Com 25 gols em 6 jogos (média de 4,17 por partida), o Palmeiras de 2022 deixou o recorde do River Plate-ARG de 2020, que fez 21 gols também em 6 jogos. Em 2021, o Palmeiras havia chegado perto dessa marca ao anotar 20 gols na fase de grupos.

Mais gols na fase de grupos na Libertadores (1960-2022):
[25 gols] - Palmeiras (2022)
21 gols - River Plate (2020)
20 gols - Cruzeiro (1976)
20 gols - Blooming-BOL (1985)
20 gols - América de Cali (2000)
20 gols - Cruzeiro (2011)
20 gols - Palmeiras (2021)
19 gols - Alianza Lima (1978)
19 gols - Flamengo (1984)
19 gols - Rosário Central (2000)
19 gols - Boca Juniors (2015)
18 gols - Bolívar (1978)
18 gols - Santos (2005)
18 gols - Vélez Sarsfield (2007)

Com o 100% de aproveitamento nos 6 jogos de 2022, mais os 8 jogos de invencibilidade na edição de 2021, o Palmeiras chegou agora a marca de 14 jogos sem derrota na Libertadores, alcançando a 6ª maior série invicta desde 1960. O Verdão está agora a 4 jogos do recorde do Atlético-MG, que na última rodada bateu esse recorde.

Maiores invencibilidades na Libertadores (1960-2022):
[18] jogos - Atlético-MG (2019-2022)
17 jogos - Flamengo (2020-2021)
17 jogos - Sporting Cristal-PER (1962-1969)
16 jogos - Corinthians (2012-2013)
15 jogos - América de Cali-COL (1980-1983)
14 jogos - River Plate-ARG (1977-1978)
14 jogos - River Plate-ARG (2018-2019)
14 jogos - Newell's Old Boys-ARG (1992)
14 jogos - Cruzeiro (1998-2004)
[14] jogos - Palmeiras (2021-2022)

Siga Rodolfo Rodrigues no Instagram

Siga Rodolfo Rodrigues no Twitter