Topo
OPINIÃO

Rodolfo: Messi é maior finalista do prêmio de melhor do mundo da Fifa

Messi comemora título da Argentina na Copa América Imagem: Buda Mendes/Getty Images
exclusivo para assinantes
Rodolfo Rodrigues

Colunista do UOL

08/01/2022 04h00

A Fifa divulgou nesta sexta-feira (7) os finalistas do prêmio de melhor jogador do mundo de 2021, referente, na verdade, à temporada 2020/21 com o argentino Lionel Messi, que atuou pelo Barcelona; o polonês Lewandowski, do Bayern Munique, vencedor do prêmio em 2020; e o egípcio Salah, do Liverpool.

Messi, pela 14ª vez, entrou na lista dos três finalistas e se tornou o jogador a mais vezes figurar no pódio, superando Cristiano Ronaldo (13 vezes). Desde 2007, o argentino, aliás, só ficou fora do top 3 em 2018. Na história do prêmio da Fifa, desde 1991, Messi é também o maior vencedor com 6 prêmios, seguido por Cristiano Ronaldo (5), Ronaldo (3), Zidane (3) e Ronaldinho Gaúcho (2).

Campeão da Copa América em 2021 e artilheiro e líder em assistências do Campeonato Espanhol na temporada 2020/21, Messi, vencedor do Bola de Ouro da France Football, é o favorito ao prêmio da Fifa também. Apesar de muita gente criticar o prêmio do argentino no Ballon d'Or, já que marcou mais gols (56 a 44), Messi tem como fator determinante o título da Copa América. Lewandowski, apesar da ótima temporada, ganhou o Campeonato Alemão, a Supercopa Alemã e a Supercopa Europeia.

Números de Messi, Lewandowski e Salah na temporada 2020/21 Imagem: SofaScore

Nas estatísticas do SofaScore, Messi e Lewandowski apresentam números muito superiores ao de Salah, que corre muito por fora nessa disputa. O egípcio, aliás, vem jogando até mais nessa temporada 2021/22, com 23 gols e 9 assistências em 26 jogos pelo Liverpool. Mas como o que vale é a temporada 2020/21, por clubes e seleções, Messi larga na frente. Além de ter mais jogos disputados (60), deu mais assistências (17), mais passes decisivos e mais dribles. Lewandowski vem com mais gols e uma média de gols superior. O polonês, vencedor em 2020, após ganhar a Liga dos Campeões pelo Bayern, tem menos chances agora de ficar com o prêmio, mas não será surpreendente se ele ficar à frente de Messi.

Mais vezes finalistas do prêmio do melhor mundo da Fifa (1991-2021):
14 - Messi (09, 10, 11, 12, 15 e 19; 07, 08, 13, 14, 16 e 17; 20; finalista 21)
13 - Cristiano Ronaldo (08, 13, 14, 16 e 17; 09, 11, 12, 15, 18 e 20; 07 e 19)
6 - Zinade (98, 00 e 03; 06; 97 e 02)
5 - Ronaldo (96, 97 e 02; 98; 03)
3 - Beckham (99 e 01; 97)
3 - Ronaldinho Gaúcho (04 e 05; 06)
3 - Xavi (09, 10 e 11)
2 - Figo (01; 00)
2 - Henry (03 e 04)
2 - Iniesta (10; 12)
2 - Lewandowski (20; finalista 21)
2 - Neymar (15 e 17)

2 - Rivaldo (99; 00)
2 - Roberto Baggio (93; 94)
2 - Romário (94; 93)

2 - Salah (19; finalista 21)
2 - Weah (95; 96)
1 - Batistuta (99)
1 - Bergkamp (93)
1 - Cannavaro (06)
1 - Eto'o (05)

1- Fernando Torres (08)
1 - Griezmann (16)
1 - Hassler (92)
1 - Kahn (02)
1- Kaká (07)
1 - Klinsmann (95)

1 - Lampard (05)
1 - Liniker ( 91)
1 - Maldini (95)
1 - Matthäus (91)
1 - Modric (18)

1 - Neuer (14)
1 - Papin (91)
1 - Raúl (01)
1 - Ribery (13)
1 - Roberto Carlos (97)
1 - Shevchenko (04)
1 - Shearer (96)
1 - Suker (98)
1 - Van Basten (92)
1 - Van Dijk (19)

Siga Rodolfo Rodrigues no Instagram

Siga Rodolfo Rodrigues no Twitter

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Rodolfo: Messi é maior finalista do prêmio de melhor do mundo da Fifa - UOL

Obs: Link e título da página são enviados automaticamente ao UOL