PUBLICIDADE
Topo

Rodolfo Rodrigues

ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

Palmeiras é o maior carrasco do Corinthians em Itaquera

Victor Luis comemora gol do Palmeiras após aproveitar rebote de Cássio, do Corinthians - MARCO GALVãO/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO
Victor Luis comemora gol do Palmeiras após aproveitar rebote de Cássio, do Corinthians Imagem: MARCO GALVãO/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO
Conteúdo exclusivo para assinantes
Rodolfo Rodrigues

Rodolfo Rodrigues é apaixonado por números e estatísticas no futebol. Foi repórter do Lance!, editor da Placar e do prêmio Bola de Prata ESPN e é autor de dez livros sobre futebol.

Colunista do UOL

16/05/2021 17h58

Como já era esperado, o Palmeiras bateu o Corinthians na Neo Química Arena por 2 x 0 neste domingo (16) e eliminou o rival do Paulistão. Com a vitória, o alviverde já soma 6 jogos sem derrota para o rival.

Em Itaquera, o Palmeiras conseguiu sua 5ª vitória e a 2ª eliminação sobre o rival em semifinais de Paulista - em 2015 tirou o alvinegro nos pênaltis e agora após a vitória por 2 x 0.

Na história do estádio, desde 2014, nenhum clube venceu tanto o Corinthians quanto o Palmeiras. São agora 5 vitórias, contra 3 do Flamengo e 2 de Cruzeiro e Fluminense.

Além de eliminar o Corinthians duas vezes em Itaquera, o Palmeiras teve também uma vitória importante no Brasileirão de 2016, quando ganhou por 2 x 0 e acabou com uma invencibilidade de 34 jogos do alvinegro em seu estádio - causando ainda a demissão do técnico Cristóvão Borges.

Corinthians x Palmeiras em Itaquera:

Com a vitória deste domingo, o Palmeiras abriu agora dois jogos de vantagem sobre o Corinthians na história do confronto, tendo agora 130 vitórias contra 128 do rival.

Corinthians x Palmeiras na história:

Você pode me encontrar também no twitter (@rodolfo1975) ou no Instagram (futebol_em_numeros)

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL