PUBLICIDADE
Topo

Rodolfo Rodrigues

ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

Com Luciano, São Paulo volta a ter o artilheiro do Brasileirão após 18 anos

Luciano comemora gol do São Paulo no clássico contra o Palmeiras pelo Brasileirão - Marcello Zambrana/AGIF
Luciano comemora gol do São Paulo no clássico contra o Palmeiras pelo Brasileirão Imagem: Marcello Zambrana/AGIF
Rodolfo Rodrigues

Rodolfo Rodrigues é apaixonado por números e estatísticas no futebol. Foi repórter do Lance!, editor da Placar e do prêmio Bola de Prata ESPN e é autor de dez livros sobre futebol.

Colunista do UOL

25/02/2021 23h38

Autor de um belo gol de falta contra o Flamengo nesta quinta-feira (25), no Morumbi, o atacante Luciano chegou à marca de 18 gols no Brasileirão 2020 e terminou a competição como artilheiro do campeonato ao lado de Claudinho, do Bragantino.

Com apenas 1 gol de pênalti, contra 6 de Marinho e Galhardo e 2 de Claudinho, Luciano se tornou o 5º artilheiro do tricolor paulista em Brasileiros, o primeiro depois de 18 anos. Antes dele, outros artilheiros pelo São Paulo no Brasileirão foram Pedro Rocha (1972), Careca (1986), Müller (1987) e Luis Fabiano (2002). Já o atacante Claudinho se tornou o 1º artilheiro do time de Bragança Paulista na competição.

Na temporada 2020, Luciano marcou 21 gols em 38 jogos pelo São Paulo e foi um carrasco contra o Flamengo. No primeiro turno do Brasileirão, na goleada por 4 a 1, marcou 1 gol. Na Copa do Brasil, não marcou no jogo de ida no Maracanã, na vitória por 2 a 1, mas anotou 2 na partida de volta, no Morumbi. Nesta quinta, fez de falta o seu 4º gol em 4 jogos.

Artilheiros do Brasileirão (1959-2020)

Você pode me encontrar também no twitter (@rodolfo1975) ou no Instagram (futebol_em_numeros)

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL