PUBLICIDADE
Topo

Rodolfo Rodrigues

ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

R. Gaúcho iguala recorde de empates de Tite e Felipão nos pontos corridos

Renato Gaúcho no empate do Grêmio com o Santos por 3 x 3 na 34ª rodada do Brasileirão 2020 - Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Renato Gaúcho no empate do Grêmio com o Santos por 3 x 3 na 34ª rodada do Brasileirão 2020 Imagem: Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Conteúdo exclusivo para assinantes
Rodolfo Rodrigues

Rodolfo Rodrigues é apaixonado por números e estatísticas no futebol. Foi repórter do Lance!, editor da Placar e do prêmio Bola de Prata ESPN e é autor de dez livros sobre futebol.

Colunista do UOL

04/02/2021 04h00

O Grêmio empatou nessa quarta-feira (3) com o Santos por 3 a 3 na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, pela 34ª rodada do Brasileirão, e está agora 7 jogos sem vitória na competição. Com o resultado, o time de Renato Gaúcho chegou a 17 empates no torneio e alcançou o recorde na história dos pontos corridos, isso com 4 jogos para fazer ainda.

Desde 2006, quando o campeonato passou a ser disputado por 20 clubes, 5 terminaram as 38 rodadas com 17 empates: Botafogo, Ceará e Flamengo (2010), Palmeiras (2011) e Corinthians (2013). Em 2010 e em 2018 (quando também era treinado por Renato Gaúcho), o Grêmio fechou o Brasileirão com o seu recorde de 12 empates.

Nas próximas rodadas, o Tricolor gaúcho enfrentará o Botafogo (fora), São Paulo e Athletico-PR (em casa) e o Bragantino (fora), podendo se tornar o time com mais empates isolado em uma única edição dos pontos corridos.

Em 2010, o Botafogo que empatou 17 vezes era treinado por Joel Santana. No mesmo ano, o Flamengo, que foi dirigido por Rogério Lourenço, Silas e Vanderlei Luxemburgo, também empatou 17 jogos, assim como o Ceará, que foi treinado por Paulo César Gusmão, Estevam Soares, Mário Sérgio e Dimas Filgueiras.

Em 2011, o Palmeiras empatou 17 jogos sob o comando de Luiz Felipe Scolari. Já em 2013, o Corinthians de Tite também empatou 17 jogos. Assim, Felipão, Tite, Joel Santana e Renato Gaúcho são os recordistas de empates em uma única edição do Brasileirão com 17 cada.

Clubes com mais empates em uma única edição do Brasileirão na era dos pontos corridos desde 2006 (20 clubes):
17 - Botafogo (2010)
17 - Ceará (2010)
17 - Flamengo (2010)
17 - Palmeiras (2011)
17 - Corinthians (2013)
[17] - Grêmio (2020)
16 - Vasco (2010)
16 - Flamengo (2011)
15 - Vitória (2010)
15 - Portuguesa (2012)
15 - Internacional (2013)
15 - São Paulo (2018)
15 - Cruzeiro (2019)
14 - Vasco (2006)
14 - Fortaleza (2006)
14 - Corinthians (2007)
14 - Botafogo (2009)
14 - Palmeiras (2010)

Você pode me encontrar também no twitter (@rodolfo1975) ou no Instagram (futebol_em_numeros)

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL