PUBLICIDADE
Topo

Rodolfo Rodrigues

Brenner e Luciano, do São Paulo, formam a dupla com mais gols no Brasileiro

Luciano abre o placar para o São Paulo contra o Sport, em jogo do Brasileirão - Marcello Zambrana/AGIF
Luciano abre o placar para o São Paulo contra o Sport, em jogo do Brasileirão Imagem: Marcello Zambrana/AGIF
Conteúdo exclusivo para assinantes
Rodolfo Rodrigues

Rodolfo Rodrigues é apaixonado por números e estatísticas no futebol. Foi repórter do Lance!, editor da Placar e do prêmio Bola de Prata ESPN e é autor de dez livros sobre futebol.

06/12/2020 17h56

O São Paulo venceu o Sport neste domingo (6) por 1 x 0, pela 24ª rodada do Brasileirão, e manteve a liderança da competição. Na vitória, o atacante Luciano marcou o gol da vitória e o seu 12º na competição. Agora, ao lado de Brenner, forma a dupla de ataque com mais gols no Brasileirão 2020 com 19 gols — metade dos 38 gols do time na competição.

Brenner, aos 20 anos, marcou até aqui 7 gols em 16 jogos no Brasileirão, e é o artilheiro do time na temporada com 18 gols em 32 jogos. Na Copa do Brasil, o jogador revelado pelo próprio São Paulo tem também 6 gols e é um dos artilheiros da competição. Já Luciano, aos 27 anos, tem 12 gols no Brasileirão e vive sua melhor fase artilheira na carreira.

Trocado pelo meia Éverton com o Grêmio no início do ano, Luciano teve um ótimo começo pelo São Paulo, passou por um período de instabilidade, mas voltou a ser um dos grandes nomes do time nesse último mês de novembro, quando fez 8 gols em 9 jogos. Pelo São Paulo, Luciano já soma 15 gols em 26 gols (média de 0,58 por partida, sua melhor em um único clube).

Pelo Corinthians, entre 2014 e 2016, Luciano marcou 20 gols em 89 jogos (0,22 por partida). No Fluminense, em 2018 e 2019, foram também 20 gols, mas em 55 jogos (0,36). Já no Grêmio, em 2019 e 2020, foram 8 gols em 36 jogos (0,22).

Outra prova da evolução de Luciano é o seu desempenho no Brasileirão nessas últimas duas edições. Em 2019, em 19 jogos, o atacante marcou 4 gols. Em 2020, também em 19 jogos, já foram 11 gols marcados. De acordo com as estatísticas do SofaScore, Luciano precisa agora de apenas 2,5 chutes para marcar um gol. Em 2019, esse número era de 7,5 chutes por jogo para marcar. Em 2019, Luciano converteu 43% das chances criadas. Já em 2020, converteu 75% delas.

Duplas com mais gols no Brasileirão 2020:
19 - Luciano (12) e Brenner (7) - São Paulo
18 - Thiago Galhardo (15) e Patrick ou Guerrero (3) - Internacional
17 - Marinho (14) e Soteldo (3) - Santos
16 - Pedro (10) e Éverton Ribeiro (6) - Flamengo
15 - Keno (10) e Eduardo Sasha (5) - Atlético-MG
15 - Claudinho (10) e Alerrandro (5) - Bragantino
15 - Cano (10) e Ribamar (5) - Vasco
14 - Pepê (7) e Diego Souza (7) - Grêmio
14 - Luiz Adriano (7) e Raphael Veiga (7) - Palmeiras
13 - Vinícius (8) e Cléber (5) - Ceará
11 - Wellington Paulista (6) e David (5) - Fortaleza
10 - Robson (6) e Giovanni Augusto (4) - Coritiba
9 - Gilberto (5) e Rodriguinho (4) - Bahia
9 - Matheus Babi (6) e Pedro Raúl (3) - Botafogo
7 - Renato Kayser (4) e Carlos Eduardo (3) - Athletico-PR

Você pode me encontrar também no twitter (@rodolfo1975) ou no Instagram (futebol_em_numeros)