PUBLICIDADE
Topo

Rodolfo Rodrigues

Com molecada, Santos tem o elenco com a menor média de idade do Brasileirão

Ângelo, de 15 anos, em sua estreia pelo Santos contra o Fluminense - Divulgação/Santos
Ângelo, de 15 anos, em sua estreia pelo Santos contra o Fluminense Imagem: Divulgação/Santos
Rodolfo Rodrigues

Rodolfo Rodrigues é apaixonado por números e estatísticas no futebol. Foi repórter do Lance!, editor da Placar e do prêmio Bola de Prata ESPN e é autor de dez livros sobre futebol.

27/10/2020 04h00

O Santos colocou nessa última do Brasileirão o garoto Ângelo, de apenas 15 anos de idade, na derrota para o Fluminense no Maracanã. Segundo jogador mais jovem a estrear pelo clube, depois de Coutinho, o atacante se tornou o mais novo a atuar no Brasileirão por pontos corridos (desde 2003) e o também o mais novo do Santos na história do Brasileirão desde 1971.

Com Ângelo e mais seis jogadores com menos de 20 anos já utilizados nesse Brasileirão pelo técnico Cuca, o Santos é o time com a menor média de idade da Série A (24,4 anos), deixando agora Bragantino (24,8) e Flamengo (24,9) para trás.

Média de idade dos elencos dos clubes do Brasileirão 2020*:
1º Santos (24,4)
2º Bragantino (24,8)
3º Flamengo (24,9)
4º Vasco (25)
5º Athletico-PR (25,3)
6º Botafogo (25,6)
7º Atlético-GO (25,9)
8º Fluminense (26,3)
9º Goiás (26,3)
10º São Paulo (26,4)
11º Coritiba (26,4)
12º Atlético-MG (26,6)
13º Palmeiras (26,7)
14º Internacional (26,8)
15º Corinthians (27)
16º Bahia (27,2)
17º Grêmio (27,4)
18º Ceará (27,6)
19º Sport (27,8)
20º Fortaleza (29,2)

* Entre os jogadores que entraram em campo e que seguem no elenco atual

Time que mais colocou jogadores das categorias da base em campo nesse Brasileirão (15, ao lado do Flamengo), o Santos promoveu a estreia de vários garotos no campeonato. Além de Ângelo (15 anos), estrearam ainda o zagueiro Derick (18 anos), os meias Ivonei (18) e Lucas Lourenço (19), além do atacante Marcos Leonardo (17). Entre os jogadores com menos de 20 anos, o Peixe tem ainda o volante Sandry (18) e o atacante Kaio Jorge (18), que jogaram em 2019.

Dos 30 jogadores utilizados pelo Santos nesse Brasileirão e que ainda segue no elenco, apenas quatro têm mais de 30 anos: o volante Carlos Sánchez (35), o lateral direito Pará (34), o goleiro Vladimir (31) e atacante Marinho (30).

Clubes que mais utilizaram jogadores da base no Brasileirão 2020:
1º Flamengo (15)
1º Santos (15)
3º Fluminense (14)
4º Athletico-PR (11)
4º Vasco (11)
6º Botafogo (10)
6º São Paulo (10)
8º Goiás (9)
8º Internacional (9)
10º Grêmio (8)
10º Palmeiras (8)
12º Corinthians (7)
12º Coritiba (7)
14º Bahia (4)
14º Sport (4)
16º Atlético-MG (3)
17º Atlético-GO (2)
17º Fortaleza (2)
19º Bragantino (1)

19º Ceará (1)

Nessa segunda-feira (26), o site Cies Football-Observatory publicou um estudo com os elencos mais jovens da Europa na temporada 2020/21, contando também os jogadores que entraram em campo. Entre os cinco principais campeonatos nacionais (Alemanha, Espanha, França, Inglaterra e Itália), o Milan é o time com o elenco mais jovem (24,5 anos). Curiosamente, o time lidera o Campeonato Italiano.

Na Alemanha, o RB Leipzig, que tem o segundo elenco mais jovem da Bundesliga (25,1 anos), atrás do Stuttgart (24,9), é o líder do Campeonato Alemão. Outro destaque entre os mais novos é a Real Sociedad (25,3), líder do Campeonato Espanhol.

Você pode me encontrar também no twitter (@rodolfo1975) ou no Instagram (futebol_em_numeros)

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.