PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Pole Position


Fotógrafo que registrou acidente fatal de Senna morre por coronavírus

Julianne Cerasoli

Fã de Fórmula 1 desde a infância, Julianne Cerasoli nasceu em Bragança Paulista (SP) e hoje vive em Londres (Inglaterra). Atua como jornalista desde 2004, tendo trabalhado com diversos tipos de mídia ao longo dos anos, sempre como repórter esportiva e com passagem como editora de esportes do jornal Correio Popular, em Campinas (SP). Cobrindo corridas in loco na Fórmula 1 desde 2011, começou pelo site especializado TotalRace e passou a colaborar para o UOL Esporte em 2015, e para sites e revistas internacionais. No rádio, é a repórter de Fórmula 1 da Sistema Bandeirantes de Rádio desde 2017, e também faz participações regulares no canal Boteco F1, o maior dedicado à categoria no YouTube. Em 2019, Julianne criou o projeto No Paddock da F1 com a Ju, na plataforma Catarse, em que busca aproximar os fãs da Fórmula 1 por meio de conteúdo on demand e podcast exclusivo com personagens da categoria. Neste espaço: Única cobertura in loco de toda a temporada da Fórmula 1 na mídia brasileira, com informações de bastidores, entrevistas exclusivas, análises técnicas e uma pitada de viagens.

Colunista do UOL

26/04/2020 05h45

O fotógrafo japonês Kazuhiro Tajima faleceu na noite deste sábado (25) vítima do coronavírus. Tajima acompanhou o circo da Fórmula 1 pela maior parte dos anos 1980 e ganhou fama internacional pela foto que correu os jornais de todo o mundo, do acidente fatal de Ayrton Senna no GP de San Marino de 1994, na curva Tamburello.

A foto foi a única imagem do acidente em si publicada por um fotógrafo. Ele tinha decidido se posicionar metros adiante na pista, justamente onde o carro de Roland Ratzenberger tinha escapado no sábado, em acidente que também o jovem piloto austríaco, entre a chicane Villeneuve e a curva Tosa.

Após o acidente, Tajima decidiu encerrar sua carreira na Fórmula 1, e inclusive batizou sua filha, que nasceu pouco depois, de Senna.

O japonês era radicado na Itália e morava na cidade de Florença. O país é o mais atingido pelo covid-19 na Europa.

Pole Position