PUBLICIDADE
Topo

Olhar Olímpico

Mari é anunciada como reforço do Fluminense para a Superliga

Mari é anunciada pelo Fluminense - Divulgação
Mari é anunciada pelo Fluminense Imagem: Divulgação
Demétrio Vecchioli

Demétrio Vecchioli, jornalista nascido em São Roque (SP), é graduado e pós-graduado pela Faculdade Cásper Líbero. Começou na Rádio Gazeta, foi repórter na Agência Estado e no Estadão. Dedicado à cobertura de esportes olímpicos, escreveu para o UOL, para a revista Istoé 2016, foi colunista da Rádio Estadão e, antes do Olhar Olímpico, manteve o blog Olimpílulas. Neste espaço, olha para os protagonistas e os palcos do esporte olímpico. No Olhar Olímpico têm destaque tanto os grandes atletas quanto as grandes histórias. O olhar também está sobre os agentes públicos e os dirigentes esportivos, fiscalizados com lupa. Se você tem críticas, elogios e principalmente sugestões de pautas, escreva para demetrio.prado@gmail.com

04/11/2020 11h30

A atacante Mari, uma das principais jogadoras do país neste século, está de volta ao vôlei de quadra depois de uma passagem frustrada pelo vôlei de praia. Aos 37 anos, a campeã olímpica de Pequim-2008 foi confirmada hoje (4) como novo reforço do Fluminense, equipe que deve brigar para chegar aos playoffs da Superliga que começa esta semana.

Mari estava afastada do vôlei de quadra desde o final da temporada 2016/17, quando defendeu o Bauru. Já sem o mesmo reconhecimento dos tempos áureos, ela ficou sem clube na temporada seguinte e acabou perdendo espaço no vôlei brasileiro. A solução encontrada foi começar a jogar vôlei de praia, convidando a também campeã olímpica Paula Pequeno para ser sua parceira.

As duas, porém, só jogaram um torneio juntas, não venceram nenhuma vez, e veio a pandemia. Quando o Circuito Brasileiro já estava para voltar, Paula Pequeno recebeu o convite para jogar ao lado de Taiana, bem mais experiente, e embarcou no desafio, deixando Mari sem parceira. Desde então, a veterana passou a ouvir ofertas de times da Superliga, fechando com o Fluminense.

"Já namorei o Fluminense outras vezes. Gosto muito do Hylmer e do clube também. Acredito que o time pode surpreender na Superliga. Temos meninas novas e jogadoras experientes, o que costuma ser uma boa mistura", disse ao site do Fluminense, citando o treinador da equipe, Hylmer Dias.

"Estamos muito felizes com a chegada da Mari. Ela é uma grande jogadora, campeã olímpica e vai agregar muito ao time. Esperamos que ela nos ajude muito na busca dos nossos objetivos", festejou o técnico. Mari será o grande nome do elenco do Fluminense, que jogou o Super Vôlei com Giovana, Arianne, Juli Lazacano, Fran, Julia, Mayara e Andressa. A estreia na Superliga será no dia 10.