PUBLICIDADE
Topo

Olhar Olímpico

Georginho sofre cesta de irmão do Corinthians e festeja com abraço

Georginho de Paula, do São Paulo, e irmão JP de Paula, do Corinthians - Reprodução/Instagram
Georginho de Paula, do São Paulo, e irmão JP de Paula, do Corinthians Imagem: Reprodução/Instagram
Demétrio Vecchioli

Demétrio Vecchioli, jornalista nascido em São Roque (SP), é graduado e pós-graduado pela Faculdade Cásper Líbero. Começou na Rádio Gazeta, foi repórter na Agência Estado e no Estadão. Dedicado à cobertura de esportes olímpicos, escreveu para o UOL, para a revista Istoé 2016, foi colunista da Rádio Estadão e, antes do Olhar Olímpico, manteve o blog Olimpílulas. Neste espaço, olha para os protagonistas e os palcos do esporte olímpico. No Olhar Olímpico têm destaque tanto os grandes atletas quanto as grandes histórias. O olhar também está sobre os agentes públicos e os dirigentes esportivos, fiscalizados com lupa. Se você tem críticas, elogios e principalmente sugestões de pautas, escreva para demetrio.prado@gmail.com

26/10/2020 12h31

Um jogador do Corinthians carrega a bola desde a quadra de defesa, vê à sua frente um dos melhores jogadores do país e, mesmo assim, decide enfrentá-lo e arremessar da cabeça do garrafão, marcando três pontos. Para comemorar, ele dá um abraço carinhoso no rival são-paulino ao qual havia acabado de superar.

O lance, raro no esporte, foi protagonizado por dois irmãos no sábado à noite. O corintiano é o jovem JP de Paula, 18 anos. O são-paulino, o MPV do último NBB, seu irmão Georginho de Paula, de 24. Foi a primeira vez que os dois se enfrentaram uma partida oficial, pelo Campeonato Paulista. O lance fechou a partida com vitória tricolor.

"Quando eu comecei a jogar, ele só tinha 1 ano, e por causa da diferença nunca foi uma disputa justa. Eu servia como exemplo e mentor esperando ele dar passos como o de hoje (sábado). Inclusive ele ainda teve a audácia de meter uma bola na minha cara que eu confesso que foi o momento mais feliz do jogo para mim. Nós vencemos, mas ele mostrou que daqui para frente a disputa vai ser forte e ele está crescendo", publicou Georginho no Instagram, brincando que ainda falta ao irmão "uns 10 quilos de massa/estilo/malandragem".

No Twitter, JP reproduziu uma conversa do grupo de Whatsapp da família Alves de Paula. Antes da partida, a mãe deles pediu: "Quero ver um abraço de vocês em homenagem ao meu coraçãozinho que já está acelerado", ela escreveu.

São Paulo e Corinthians, assim como Georginho e JP, vivem momentos muito diferentes no basquete. Enquanto o time tricolor montou um elenco para brigar pelo título do NBB, liderado pelo mais velho dos De Paula, o Corinthians tem um elenco formado principalmente por garotos como JP. Natural que o duelo de sábado fosse vencido pelo São Paulo, por 103 x 77.

Com o resultado, o São Paulo passou para a próxima fase. Jogará, de 2 a 4 de novembro, contra Paulistano, Mogi e Liga Sorocabana. Os duelos serão no Paulistano. Antes, entre os dias 30 de outubro e 1º de novembro, Bauru, Franca, Pinheiros e Osasco disputam quadrangular em Bauru. Último colocado do seu grupo, o Corinthians foi eliminado.

+ Acompanhe o que mais importante acontece no esporte olímpico pelos perfis do Olhar Olímpico no Twitter e no Instagram. Segue lá! +