PUBLICIDADE
Topo

Milton Neves

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Milton: Passou da hora de a CBF dar um basta nos ridículos pontos corridos!

Taça do Campeonato Brasileiro - Divulgação/CBF
Taça do Campeonato Brasileiro Imagem: Divulgação/CBF
Conteúdo exclusivo para assinantes
Milton Neves

Milton Neves é jornalista profissional diplomado, publicitário, empresário, apresentador esportivo de rádio e TV, pioneiro em site esportivo no Brasil, 1º âncora esportivo de mídia eletrônica do país, palestrante gratuito de Faculdades e Universidades, escrivão de polícia aposentado em classe especial, pecuarista, cafeicultor e é empresário também no ramo imobiliário.

04/12/2021 08h00

Todo ano era a mesma coisa.

Eu usava este meu espaço para pedir encarecidamente a volta do mata-mata e logo surgia um torcedor comentando: “você diz isso porque faz tempo que seu Santos e seu Galo não ganham”.

Por isso, com o título deste ano do Maior de Minas, me sinto muito mais à vontade para puxar a campanha novamente.

Afinal, pessoal, estava na cara que o Atlético levaria o Brasileirão desde agosto deste ano.

E isso fez com que o Palmeiras e o Flamengo tirassem o pé da competição, focando na Libertadores, que parecia um caminho mais fácil.

Pô, não dá para o maior campeonato do país ser tratado assim, não é mesmo?

Por isso que uma fase final agora em dezembro seria eletrizante e mobilizaria todos os oito clubes envolvidos e o país inteiro.

Imaginem só, com a classificação atual, teríamos uma fase de quartas de final da seguinte maneira:

Atlético-MG x América-MG

Flamengo x Fluminense

Palmeiras x Fortaleza

E Corinthians x Red Bull Bragantino

Seria eletrizante, não é mesmo?

Mas, não, os “gênios" preferem turno e returno por pontos corridos, com o campeão sendo decidido na metade do campeonato.

Ah, vá tomar banho na soda, sô!

Opine!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL