PUBLICIDADE
Topo

Milton Neves

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

MN: Burrada de Renato destruiu o psicológico do Fla! Já deu Verdão na final

Renato Gaúcho, técnico do Flamengo, em partida contra o Grêmio - Alexandre Vidal/CRF
Renato Gaúcho, técnico do Flamengo, em partida contra o Grêmio Imagem: Alexandre Vidal/CRF
Conteúdo exclusivo para assinantes
Milton Neves

Milton Neves é jornalista profissional diplomado, publicitário, empresário, apresentador esportivo de rádio e TV, pioneiro em site esportivo no Brasil, 1º âncora esportivo de mídia eletrônica do país, palestrante gratuito de Faculdades e Universidades, escrivão de polícia aposentado em classe especial, pecuarista, cafeicultor e é empresário também no ramo imobiliário.

24/11/2021 09h45

Primeiramente, quero deixar claro que não acredito que Renato Gaúcho, como acusa uma parcela da torcida rubro-negra nas redes sociais, tenha "piorado" o time flamenguista de propósito no segundo tempo para "ajudar" o Grêmio.

Mas é fato que as desastrosas mexidas que ele fez lá em Porto Alegre acabou com o último suspiro do Mengão no Brasileiro.

Quando o Fla vencia por 2 a 0, o Galo estava perdendo no Allianz para o Palmeiras.

Poderia ter dado emoção ao campeonato.

Mas, no fim das contas, o Atlético empatou e o Rubro-Negro entregou o igualdade ao Tricolor gaúcho.

E poderia muito bem ter levado a virada na Arena do Grêmio.

Bem, mas como o Brasileiro já estava mesmo praticamente perdido, o grande prejuízo causado pelo resultado lá no Sul foi para a partida final da Libertadores, contra o Palmeiras.

Vocês sabem que, no futebol, os times vencem contando com três forças: a técnica, a física e a psicológica.

Fisicamente o Rubro-Negro de tantos desfalques recentes já não está um primor, convenhamos.

Tecnicamente também, já que não faz muito tempo que víamos o Mengão como um "catado" em campo disputando o Brasileiro.

E agora psicologicamente o time do Rio também foi para o vinagre.

Esse ridículo empate certamente mexeu com a cabeça do grupo flamenguista.

Por isso, confesso, eu já fiz muitas apostas nesta rena final de "campanha" sobre quem seria "eleito" o campeão da Libertadores lá em Montevidéu.

Mas agora tenho poucas dúvidas de que dará Verdão, que levará o seu tri da América.

E isso em grande parte pela desnecessária polêmica que Renato Gaúcho criou na noite de ontem.

Que burrada!

Opine!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL