PUBLICIDADE
Topo

Milton Neves

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Milton: Morre Roberto Petri, marcante nome da crônica esportiva brasileira

Roberto Petri, jornalista esportivo - Gabriel Carneiro/UOL
Roberto Petri, jornalista esportivo Imagem: Gabriel Carneiro/UOL
Milton Neves

Milton Neves é jornalista profissional diplomado, publicitário, empresário, apresentador esportivo de rádio e TV, pioneiro em site esportivo no Brasil, 1º âncora esportivo de mídia eletrônica do país, palestrante gratuito de Faculdades e Universidades, escrivão de polícia aposentado em classe especial, pecuarista, cafeicultor e é empresário também no ramo imobiliário.

19/09/2021 13h56

A crônica esportiva brasileira está de luto.

Morreu neste domingo (19), aos 85 anos, em São Paulo-SP, o grande jornalista Roberto Petri.

Bruno Petri, seu filho, informou no "Domingo Esportivo Bandeirantes" ao vivo o falecimento de seu pai, explicou que Petri teve recentemente um AVC e uma infecção urinária, e, por isso, estava muito debilitado.

Para quem não se lembra, Roberto Petri era uma figura que costumava fazer um "personagem" azedo nas mesas redondas da vida.

Mas quem conhecia pessoalmente o grande jornalista sabia que ele era muito doce e amigável.

Ao lado de Eli Coimbra, Petri idealizou a academia "Dente de Leite", que revelava craques.

Mas é importante frisar que os jornalistas não ficavam com um tostão dos jogadores que de lá saiam.

E a "Dente de Leite" revelou simplesmente… Muricy Ramalho!

E os lemas da "Dente de Leite" eram "craque na bola, craque na escola" e "bola no pé, livro na mão".

Bonito, não é mesmo?

Ou seja, uma figura importantíssima não apenas pela sua brilhante atuação na imprensa esportiva, mas também na revelação de jovens talentos e no direcionamento educacional de garotos humildes.

Obrigado por tudo, Petri!

E esteja com Deus!

Em 1960, parte da equipe esportiva da Rádio Difusora reunida após encontro sob a presidência do diretor Armando Figueiredo, o segundo da esquerda para a direita. Na mesma ordem estão Odival Signorini, Nélson Antônio, Roberto Petri, José Italiano, Antonio Pereira, Gerdi Gomes, Luís Noriega, Milton Camargo, José Góes, Marco Antônio e Manuel Ramos. Foto enviada por Magalhães Júnior

Jaimão e o amigo Roberto Petri. Foto: Arquivo pessoal Jaimão

O jornalista Roberto Petri foi um dos convidados de João Rehder na TV Assembleia em 2012 para o programa "SP Esportes". Foto: Mauricio Garcia de Souza/arquivo da ALESP, enviada por João Rehder

Em um dos corredores da Assembleia Legislativa de São Paulo, em 2012. Roberto Petri, Zenon, João Rehder e Fernando Sampaio. Foto: Mauricio Garcia de Souza/arquivo da ALESP, enviada por João Rehder

Em 2012 no "SP Esportes" na TV Assembleia-SP, programa apresentado pelo jornalista João Rehder. Da esquerda para a direita: Estevam Soares, Roberto Petri, João Rehder, Hélio Maffia e Pinella. Foto: Mauricio Garcia de Souza/arquivo da ALESP, enviada por João Rehder

Da esquerda para a direita, em pé: Roberto Moreira Lima, Carlos Aymard, Roberto Petri, Darcy Reis, Orlando Duarte, Rose Saldiva, Milton Peruzzi, Milton Camargo, Nelson Barbosa e José Silvério. Agachados: Ciro José, Zevi Ghivelder, Osmar Santos, Ricardo Curi e José Goes. Foto: Reprodução da Revista Manchete Esportiva

Da direita para a esquerda, encontramos Roberto Petri e Ciro Fontão. Foto: Sarkis

Emílio Colella entrega um troféu a Thomaz Mazzoni, ao fundo vemos Roberto Petri (com círculo amarelo), enquanto à direita aparece Otávio Munis. Foto: Arquivo ACEESP

Veja a ficha de filiação de Roberto Petri na Associação dos Cronistas Esportivos do Estado de São Paulo

No destaque amarelo, aparece o jornalista Otávio Munis; em vermelho, está Roberto Petri; em azul, Eli Coimbra e o pequeno Ely Coimbra

Festa dos 31 anos de confraternização e amizade. Oswaldo Mesquita, Rubens Pecce, José Maria de Aquino e por último com cigarro, é Roberto Petri

Festa dos 31 anos de confraternização e amizade. Roberto Petri é o segundo, Sérgio Baklanos com a mão machucada é o terceiro e Arthur Vogel (jornalista brasileiro de origem romena) segurando cigarro

Festa de Natal de 1977. Carlos Aymard, Claúdio Coutinho, Mário Travaglini (é o quarto) e Roberto Petri

Festa de Natal de 1977. Carlos Aymard, Claúdio Coutinho, Mário Travaglini (é o quarto) e Roberto Petri

Festa do 32º aniversário em dezembro de 1973. Carlos Aymard fala ao vivo na TV Gazeta, de Roberto Petri. Ao fundo sentados à mesa, Mauro Pinheiro (com círculo vermelho), Mário Morais (com círculo azul) e Milton Peruzzi (com círculo amarelo)

Festa do 32º aniversário em dezembro de 1973. Milton Camargo entrevista Roberto Petri pela Rádio Tupi, equipe 1040. Sentados Chico de Assis, Darcy Reis (com o rosto coberto parcialmente) e Ênnio Rodrigues (o último à direita). Ao fundo, entre Milton Camargo e Roberto Petri, vê-se Ciro José (com círculo amarelo) e à esquerda, também ao fundo, Juarez Soares (com círculo vermelho)

Festa do 32º aniversário em dezembro de 1973. Roberto Petri entrevista ao vivo pela TV Gazeta. À sua direita, sentados, estão Álvaro Paes Leme e Mauro Pinheiro

Festa do 32º aniversário em dezembro de 1973. Roberto Petri entrevistando um colega jornalista. Atrás dele, o saudoso Rubens Pecce

Festa do 32º aniversário em dezembro de 1973. Roberto Petri, Álvaro Paes Leme, Mauro Pinheiro e o último é Geraldo José de Almeida (fumando)

Festa do 32º aniversário em dezembro de 1973. Roberto Petri, Flávio Iazetti, Mauro Pinheiro e Rubens Pecce

Abaixo da placa em que está escrito "Não Aceitamos Cheques", conversam os jornalistas Manoel Ramos (com círculo amarelo) e José Roberto Ramos (com círculo vermelho), da Rádio Tupi. À esquerda e ao fundo, de óculos, aparece Roberto Petri (com círculo azul)

Identificados com os círculos amarelos, da esquerda para a direita: Mauro Pinheiro, Juarez Soares e Roberto Petri

Festa do 32º aniversário em dezembro de 1973. Roberto Petri e Flávio Iazetti

Festa do 32º aniversário em dezembro de 1973. Milton Peruzzi entrevistando Roberto Petri

Roberto Petri e Geraldo Bretas

Reparem que nesta época o repórter cobria os jogos trajando terno

Reparem que, nesta época, o estádio do São Paulo ainda não estava terminado

Roberto Petri e Cíciro Pompeu de Toledo

Na foto, o ex-treinador da Seleção Brasileira é entrevistado pelo repórter

Veja o repórter com o ex-jogador do São Paulo

Em 16 de abril de 2010, na redação do Portal Terceiro Tempo, Petri aproveitou para relembrar grandes momentos do esporte, em especial, do futebol. Foto Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Petri e Milton Neves em 16 de abril de 2010, conferindo a galeria de fotos de Petri na seção "Que Fim Levou?", mostradas por Gustavo Grohmann, jornalista do Portal Terceiro Tempo. À frente deles, o redator e colunista Tufano Silva. Foto Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

O jornalista Gustavo Grohman, redator e colunista do Portal Terceiro Tempo mostrando algumas fotos da página de Roberto Petri para ele e Milton Neves. Foto Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Em 16 de abril de 2010, Milton Neves recebeu o amigo Roberto Petri na redação do Portal Terceiro Tempo, em 16 de abril de 2010. Ao fundo, da esquerda para a direita estão os redatores Ednilson Valia e Gustavo Grohmann. Foto: Portal TT

Milton Neves recebeu o amigo Roberto Petri redação do Portal Terceiro Tempo, na Avenida Paulista, em 16 de abril de 2010. Foto Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Veja Roberto Petri e Eli Coimbra, em foto de 1971, estampada na revista Placar. A dupla foi garoto-propaganda das bolas "Dente de Leite", que fizeram muito sucesso com a garotada nas décadas de 70 e 80

À esquerda, Roberto Petri; à direita, Jaimão, em 1979

Discussão acalorada no Mesa Redonda da TV Gazeta, em 1972. Da esquerda para a direita, vemos: Dalmo Pessoa, Nelson "Balançando" Oliveira, Flávio Iazetti, Roberto Petri, jornalista não identificado, saudoso repórter Rubens Pecce, José Goes e Paulo Planet Buarque, de costas.

Em evento apresentado por Milton Neves, Roberto Petri, o jornalista que mais entende de futebol argentino fora do país vizinho, recebe mais um prêmio. De terno e gravata está o ex-presidente são-paulino Fernando Casal De Rey

Grande momento da carreira do jornalista Roberto Petri (à direita). Em 1958, então no "Diário da Noite", entrevistou João Havelange, que anos depois viria a se tornar o principal cartola do futebol mundial

Roberto Petri, Muricy Ramalho e Eli Coimbra. Muricy é o craque símbolo do Futebol Dente de Leite, que foi idealizado por Petri e Eli. Atrás deles, um belíssimo Passat (seria de Muricy?)

Em Buenos Aires, no campeonato sul-americano de seleções que precedeu a Copa da Suécia. O Brasil levou um baile na final contra a Argentina e foi derrotado por 3 a 0 pelos hermanos. Na imagem você confere Luiz Amaral, Roberto Petri, Ávila Machado, Oduvaldo Cozzi e Walter Mello. Era a equipe Associados

Na Mesa Redonda da TV Gazeta, Roberto Petri é o terceiro da esquerda para a direita. O primeiro é José Silveira, o segundo é Flávio Iazetti e o quarto é Milton Peruzzi

Roberto Petri e Fernando Sasso, em 1974, na Copa da Alemanha

Roberto Petri, então na Rádio Difusora, entrevista Indio, do Flamengo, em 1957, no Pacaembu

Eli Coimbra e Roberto Petri recebendo, em 1970, o Troféu Roquete Pinto, no Teatro Record, das mãos dos saudosos Blota Júnior e Sônia Ribeiro. O prêmio foi pela criação do Futebol Dente de Leite.

Copa América de 1987, em Córdoba, na Argentina. Sentados estão os jornalistas Nelson Nunes e Roberto Petri. Em pé< Paulo Roberto Pereira. Foto: Arquivo Pessoal/Nelson Nunes

Carlos Alberto Spina ao lado de Roberto Petri em visita ao jornalista no dia 25 de abril de 2019. Na foto, funcionárias da Clínica Flore D´Alliance, em Santana, zona norte de São Paulo. Foto: arquivo pessoal de Carlos Alberto Spina

Carlos Alberto Spina ao lado de Roberto Petri em visita ao jornalista no dia 25 de abril de 2019, na Clínica Flore D´Alliance, em Santana, zona norte de São Paulo. Foto: arquivo pessoal de Carlos Alberto Spina

Time campeão na categoria Dente de Leite (1971) do Corinthians, comandado pelos competentes Ely Coimbra e Roberto Petri. Foto enviada por Decio Galhardo Carmona

Final dos anos 70: Roberto Petri, Ely Coimbra e João Tomaz. Foto enviada por João Tomaz

Em pé, da esquerda para a direita: Fábio Sormani, Helô Campanholo, Milton Neves, Marinho Peres, Walter Abrahão, Roberto Petri, Wagner Prado e o saudoso Zé Gonçalves