PUBLICIDADE
Topo

Em meio à pandemia, torcedores aumentam audiência dos clubes na internet

Marília Ruiz

Tenho 20 anos de jornalismo esportivo: 5 Copas do Mundo, 4 Olimpíadas, muitos Brasileiros, alguns Mundiais e várias Copinhas. Neste blog seguirei fazendo isso: escrevendo sobre futebol. Sem frescura. Sem mimimi. Para versões oficiais dos clubes e atletas, recomendo procurar as assessorias de imprensa.

02/04/2020 15h09

A carência que a paralisação do futebol causa parece não afetar o amor dos torcedores em quarentena. É o que aponta um levantamento da empresa "IBOPE Repucom" que destaca o crescimento das bases digitais de Flamengo, Corinthians, São Paulo, Palmeiras e Grêmio no mês que passou e que marcou o início da quarentena forçada por causa da pandemia do Coronavírus.

Segundo a pesquisa, março registrou aumento no volume de novos inscritos superior a dos outros 12 levantamentos mensais: o resultado no volume de novos seguidores de março foi 3% maior que a média histórica para o mês desde 2017.

Flamengo, São Paulo, Corinthians, Grêmio e Palmeiras foram (por ordem) os clubes que mais cresceram no período: somaram cerca de 920 mil seguidores, o que corresponde a 70% do total de novas inscrições nas contas oficiais dos 50 maiores clubes durante o mês de março de 2020.

Se levarmos em conta todo o primeiro trimestre do ano (janeiro/fevereiro/março), o aumento foi de 4,8 milhões de novas inscrições para os clubes de futebol, resultado 15% maior que a média para o período dos últimos três anos.

Sobre este momento ímpar na história, José Colagrossi, diretor executivo do IBOPE Repucom, comenta: "Há anos reforçamos a importância estratégica das mídias sociais como canal de engajamento dos clubes com seus fãs. Isso nunca foi tão importante quanto nesse momento de crise."

Para Fábio Wolff, especialista em marketing esportivo e que representa vários patrocinadores de clubes da Série A que no momento renegociam seus contratos, "alguns clubes estão realmente produzindo conteúdo muito interessante até para pagar contrapartidas previstas em contratos com seus parceiros".

Segue abaixo trecho do relatório do estudo do IBOPE:

Primeiro trimestre de 2020 registra aumento de 15% no volume de novos seguidores em relação à média do período dos últimos três anos; crescimento de março/2020 foi 3% maior que a média histórica para o mês


· Flamengo: atingiu marca inédita de 30 milhões de inscrições;
· São Paulo: registrou segundo melhor resultado geral e lidera crescimento no Facebook;
· Corinthians: é o terceiro maior crescimento, com grande concentração no Instagram;
· Grêmio: registra quarto maior crescimento e figura no pódio em inscritos no YouTube;
· Palmeiras: fecha o "Top 5", com 80% do resultado proveniente do Instagram;
· Atlético-MG: comemora 7 milhões de inscrições na soma de suas contas sociais.

Marília Ruiz