PUBLICIDADE
Topo

Gabriel Vaquer

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Band ameaça SBT e Record, mas tem pior média com Fórmula 1

Lewis Hamilton foi o vencedor do GP de Portugal - Clive Mason - Formula 1/Formula 1 via Getty Images
Lewis Hamilton foi o vencedor do GP de Portugal Imagem: Clive Mason - Formula 1/Formula 1 via Getty Images
Gabriel Vaquer

Gabriel Vaquer cobre mídia esportiva desde 2014. No UOL Esporte, conta detalhes do evento onde seu time joga e onde seu profissional de TV esportiva favorito vai trabalhar.

02/05/2021 13h37

A Band teve seu pior desempenho em audiência com a transmissão das corridas de Fórmula 1. A emissora registrou média de quatro pontos durante a realização do GP de Portugal, hoje (2), entre 11h01 e 12h38.

Nas etapas anteriores do Mundial, a emissora paulista havia conseguido médias superiores. Foram 4,3 pontos há duas semanas, no GP de Emilia Romagna, e 5,3 na primeira prova, no GP do Bahrein.

Neste domingo, com o GP de Portugal, a corrida dobrou o Ibope da Band rapidamente na primeira hora (11h-12h) e começou a brigar fortemente com o SBT e a Record pela vice-liderança.

Na segunda hora, porém, o SBT desgarrou e conseguiu abrir uma vantagem mímina para ser segundo lugar. Na média da corrida rolando, Band e Record empataram em terceiro

O momento de pico foi nos momentos finais da prova vencida por Lewis Hamilton, quando a Band tinha 5 pontos, contra 6 do SBT e 7 da Globo.

Durante a transmissão, a Band chegou a ser vice-líder de audiência por 3 minutos e terceira colocada por 52 minutos.

Confira as médias de audiência das emissoras durante a corrida:
Globo (Esporte Espetacular): 7,2
SBT: 4,4
Record: 4,0
Band: 4,0 (pico 5)