PUBLICIDADE
Topo

Gabriel Vaquer

ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

Globo lidera Ibope com vitória do Palmeiras em noite de alta na audiência

Alisson (Grêmio) e Wesley (Palmeiras) disputam a bola durante a final da Copa do Brasil - Fernando Alves/AGIF
Alisson (Grêmio) e Wesley (Palmeiras) disputam a bola durante a final da Copa do Brasil Imagem: Fernando Alves/AGIF
Gabriel Vaquer

Gabriel Vaquer cobre mídia esportiva desde 2014. No UOL Esporte, conta detalhes do evento onde seu time joga e onde seu profissional de TV esportiva favorito vai trabalhar.

28/02/2021 23h22

A mudança forçada de horário da primeira partida da final da Copa do Brasil entre Grêmio e Palmeiras não interferiu na disputa pela liderança da audiência nesta faixa — a Globo seguiu na ponta com folga. Por outro lado, quando foi ao ar, coincidiu com subida de audiência também da Record e do SBT, segundo e terceiro colocados, respectivamente.

A Globo teve uma sutil melhora em suas métricas do Ibope. Exibida das 21h às 22h54, a vitória alviverde por 1 a 0, fora de casa, teve média de 24 pontos —apenas um a mais na comparação com o "Fantástico" do domingo passado (dia 21). Mas Record e SBT também se deram bem e conseguiram bons picos, atraindo o público não muito interessado no futebol.

Segundo números prévios da Grande São Paulo, obtidos pela coluna, mostram que o jogo narrado por Luís Roberto, com comentários de Paulo Nunes e Roger Flores teve pico de 26 pontos. Com isso, até 5,5 milhões de telespectadores foram alcançados pela emissora líder com a transmissão da primeira partida, realizada em Porto Alegre.

Foi um índice bom para a faixa horária, mas a concorrência acabou ganhando um pouco de terreno na disputa. A Record ficou em segundo lugar de Ibope com 11 pontos de média com o "Domingo Espetacular", sua revista eletrônica dominical. No último domingo, o programa marcou 9 pontos no horário, sua média habitual. Comandada por Carolina Ferraz e Eduardo Ribeiro, a emissora de Edir Macedo chegou a picos de até 13 pontos durante o intervalo da primeira final.

Já o SBT, com reprises do apresentador Silvio Santos, também conseguiu elevar os índices levemente e ficou com 10 pontos. No fim do segundo tempo, a atração chegou atingiu pico de 11 pontos. Sua média desde o início da pandemia do covid-19, em março de 2020, é de 8 pontos.

A RedeTV!, que exibia o "Encrenca", seu programa de maior audiência, ficou em quarto com 4 pontos. A Band obteve 1.

Para a Globo, o grande teste vai acontecer na semana que vem, com o jogo de volta. Palmeiras x Grêmio vai acontecer às 18h, antes do "Fantástico". Dentro da emissora, existe um projeto para que, em 2022, o futebol assuma essa faixa hoje ocupada pelo apresentador Faustão, que deixará sua grande ao fim de 2021.

O jogo de ida aconteceu às 21h por conta de um pedido do Governo do Rio Grande do Sul, onde a pandemia do novo coronavírus apresenta números preocupantes. O governador gostaria de impedir aglomerações em bares, principalmente em Porto Alegre.

Sobre a audiência medida na capital gaúcha, a partida variou entre 37 e 39 pontos de Ibope —um índice bem acima para o que o horário alcança, que é de cerca de 25 pontos.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL