PUBLICIDADE
Topo

Gabriel Vaquer

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Fórmula 1: Band acerta com colunista do UOL para transmissões; veja equipe

Band fecha o time que fará transmissão da Fórmula 1 a partir de março -  Rudy Carezzevoli / Correspondente
Band fecha o time que fará transmissão da Fórmula 1 a partir de março Imagem: Rudy Carezzevoli / Correspondente
Gabriel Vaquer

Gabriel Vaquer cobre mídia esportiva desde 2014. No UOL Esporte, conta detalhes do evento onde seu time joga e onde seu profissional de TV esportiva favorito vai trabalhar.

23/02/2021 16h44

A Band fechou nesta terça-feira (23) o time que fará a transmissão da Fórmula 1 a partir de 28 de março, no Grande Prêmio do Bahrein. A emissora contratou a jornalista e colunista do UOL Julianne Cerasoli para atuar como produtora do time que trará as informações diretamente dos circuitos. Ao todo, serão quatro profissionais que estarão na Europa.

A coluna apurou que a equipe na Europa da Band contará com Jayme Brito como produtor-executivo. Julianne dividirá a produção com Jayme. As reportagens serão de Mariana Becker. O cinegrafista da equipe será Gianfranco Marchese, profissional nascido na Itália, que também trabalhava no time que exibia a principal categoria do automobilismo na Globo até 2020.

Paralelo ao seu trabalho na Band, Julianne Cerasoli continuará com seu espaço no UOL Esporte para falar de automobilismo. A jornalista já atuava nas transmissões da Fórmula 1, pela Rádio Bandeirantes.

Na equipe que ficará baseada no Brasil, a narração será de Sérgio Maurício, ex-Globo, que assinou com a Band na semana passada. Os comentários serão de Reginaldo Leme, figura histórica das transmissões da categoria. Ainda existe uma segunda vaga de opinião que falta ser preenchida por um ex-piloto.

A Band pensa em três nomes: Max Wilson, que já trabalhou na Globo; Rubens Barrichello, piloto brasileiro com mais GPs de Fórmula 1 na carreira; e Felipe Giaffone, que já atuou na emissora e comentou a F1 na Globo em 2019 e 2020. A definição só deve acontecer em março.

Band e Liberty vão dividir lucros obtidos com cotas publicitárias vendidas no mercado. A Renault, patrocinadora de transmissões da F1 desde 2007 na Globo, foi procurada e gostou do projeto apresentado.

Outros patrocinadores que anunciavam na Globo também foram procurados, mas ainda não deram resposta se vão apostar no novo projeto da categoria na Band.