PUBLICIDADE
Topo

Futebol pelo mundo

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Neymar corre mais que Messi e Mbappé e vira o trunfo da defesa do PSG

Mbappé, Lionel Messi e Neymar no vestiário após vitória do PSG - Reprodução/Instagram
Mbappé, Lionel Messi e Neymar no vestiário após vitória do PSG Imagem: Reprodução/Instagram
João Henrique Marques

Jornalista desde 2005, passou por Lance ! e Terra. É correspondente do UOL Esporte na Europa desde 2013, com base em Barcelona e depois Paris. Cobriu Copa do Mundo, Eurocopa e cinco finais de Liga dos Campeões.

Colunista do UOL

02/10/2021 04h00

O trio de ataque MNM (Messi, Neymar e Mbappé) do Paris Saint-Germain tem Neymar como o mais ativo defensivamente e, de longe, o que mais corre em campo. Voltando a atuar mais pela ala como nos tempos de Barcelona, o brasileiro só não percorreu mais quilômetros no total do que o volante Ander Herrera até aqui nos dois jogos do PSG na Liga dos Campeões (empate contra o Brugge por 1 a 1 e vitória diante do Manchester City por 2 a 0).

Dos 180 minutos que esteve em campo, Neymar percorreu 21.1 km estando abaixo apenas de Herrera com 23.6 km. Entre os jogadores que atuaram todos os minutos das duas partidas da Liga dos Campeões, Messi é o que tem a menor quantidade de distância percorrida, com 16.9 km. Ou seja, são quase 4 km a menos que Neymar em apenas dois jogos.

O trio MNM tem apenas três jogos pelo PSG no momento, sendo que somente contra o Manchester City os três estiveram em campo durante todo o confronto. A expectativa é que eles voltem a atuar juntos durante toda a partida contra o Rennes, domingo (3), pelo Campeonato Francês.

Na temporada passada, na principal competição europeia, Neymar e Mbappé terminaram com números similares de distância percorrida em média por minutos. Desta vez, Mbappé soma apenas 14 km, em 141 minutos --ele foi substituído contra o Brugge--. Assim, sua média é de 9 km por jogo, abaixo dos 10.5 km de Neymar, mas maior que os 8,5 km por partida de Messi.

Tanto esforço deixou Neymar também como o jogador do trio que mais recupera bolas para o time. No total, ele já conseguiu 5 desarmes, tendo Mbappé 3 e Messi apenas 1.

No desenho tático do PSG com o trio, Neymar volta a ter maior responsabilidade defensiva pela esquerda. Foi comum o ver marcando o lateral direito do adversário como fez tanto pelo Barcelona enquanto esteve ao lado de Messi.

Já o argentino segue com a já peculiar baixa quilometragem percorrida em campo. Ele e Mbappé formam parte da primeira linha da defesa, com Neymar fechando pela esquerda a linha que acompanha o meio-campo.

Apesar do sacrifício defensivo, Neymar segue eficiente no ataque. Em uma estatística voltada apenas para o número de dribles dos três jogadores quando atuaram juntos em três partidas até o momento, o brasileiro soma 18 no total, tendo Mbappé 13 e Messi 8.

Já nas finalizações, enquanto o trio esteve junto pelo PSG, Messi tem 7 no total, Neymar tem 5 e Mbappé apenas 2. Com o trio em campo, Messi tem 1 gol marcado, Neymar também e Mbappé segue sem gol.