PUBLICIDADE
Topo

Diego Garcia

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Juiz rejeita recurso do São Paulo contra condenação de R$ 20 milhões

Vista geral do Morumbi  - Staff Images/Conmebol
Vista geral do Morumbi Imagem: Staff Images/Conmebol
Diego Garcia

Repórter desde 2010, passou por Folha de S. Paulo, ESPN, Terra e Placar. Ganhou dois prêmios Aceesp (2014 e 2016) e foi indicado aos prêmios Comunique-se (2019), República (2017, 2018 e 2021), Folha (2018 e 2019) e Fenacor (2020). Cobriu Copa do Mundo, Olimpíadas, Mundial de Clubes e outros grandes eventos. Contato: garciadiegosilva@gmail.com

Colunista do UOL

17/09/2021 04h00

A Justiça de São Paulo rejeitou nesta quinta-feira (16) um recurso do São Paulo contra uma sentença que condenou o clube a pagar R$ 20 milhões pelo empréstimo de Raniel.

O clube havia apresentado nesta quarta (15) embargos de declaração questionando o que considerou vícios na decisão do tribunal, pedindo pela nulidade de uma cláusula que previa juros em relação a um período anterior à data do pagamento.

Porém, o juiz Luiz Gustavo Esteves, da 11ª Vara Cível do Tribunal de Justiça de São Paulo, rejeitou os embargos, mantendo a sentença original. Ele defendeu que o clube deve levar o recurso a instâncias superiores, considerando que o clube pretende alterar o resultado da decisão e reavaliar provas.

A dívida é por um empréstimo na compra do atacante Raniel junto ao Cruzeiro feito em julho de 2019. São Paulo e André Cury assinaram acordo de empréstimo para a contratação de Raniel, agenciado pelo empresário.

Assim, o agente emprestou R$ 13,7 milhões ao São Paulo. O acordo inicial previa que o time do Morumbi pagaria a quantia em 12 parcelas, a partir de janeiro de 2020. A briga acabou indo parar na Justiça.